Decoração para quarto de gêmeos!

Decoração para quarto de gêmeos!

Muitas leitoras me pedem sugestões para quartinhos de gêmeos! Separei algumas sugestões e referências que amo para vocês se inspirarem. Para as mamães, quero ressaltar que não precisam se preocupar com o espaço. Com criatividade e carinho o cantinho dos sonhos de filhos gêmeos ficará lindo!

 

Quando se trata de menina e menino, a ideia é dividir o quarto em dois temas. Para elas, cores e temas femininos e para eles, cores e temas masculinos.

 

Askmi1

 

Askmi2

 

Askmi3

 

A escolha das cores, a personalização com nomes e a escolha da estampa do enxoval servem para completar a decoração do quarto. Tudo é válido quando se trata do ambiente em que seus bebês serão acomodados.

 

Askmi1

 

Askmi4

 

Quando as crianças crescem, o ideal se tiver espaço, é deixar um local para eles brincarem no próprio quarto. Crianças precisam de inspiração, motivação e estímulos para aumentar o seu conhecimento, sua criatividade e inteligência. Por isso, inclua objetos que possam inspirar as crianças durante a infância, tornando-as conscientes desde pequenas.

 

Askmi2

 

Askmi3

 

Encontrei essa decoração para trigêmeos e me encantei!

 

Askmi5

 

Espero que tenham gostado das minhas dicas e inspirações! Ótimo feriado! Beijos Mi

Fotos: Internet e Pinterest

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#Blog AskMi#decor#Decoração#dicas#gêmeos#Marina Xandó#quarto#room#twins

Cuidados com o cabelo da Vivi!

Cuidados com o cabelo da Vivi!

Muitas de vocês me perguntam o que eu costumo usar no cabelo da Vivi, para hidratar e deixar mais sedoso. Vocês sabiam que o cabelo ruivo é o mais fácil de ressecar? Pois é! E a Vivi costuma transpirar muito afinal estamos em Araçatuba então o jeito é lavar quase que diariamente, apesar de eu saber que não é o ideal.

 

Askmi4

 

Os shampoos que costumo usar atualmente são os da Johnson´s, Paul Mitchell (cabelos finos), Coconut Miracle Oil (amo) e ZooPers Kids. Ahhh também adoro o Petit Junior Klorane.

 

Askmi2

 

Askmi1

 

Já para hidratar, duas vezes na semana uso máscara de cabelo. Por incrível que pareça (e para doer um pouquinho no bolso kk) a que ela mais se adaptou (os cabelos na verdade) é a da Nutritive da Kerastase! Gente, o cabelo da Vivi muda, fica incrível!

 

Askmi5

 

Antes de secar, costumamos passar um olhinho da Davines ou Paul Mitchell nas pontas, ajuda muuitooo ainda mais nos dias de natação. Uma ótima dica também, é essa escova para pentear os cabelos que só encontro nos EUA, da marca Tangle Teezer.

 

Askmi3

 

Espero que tenham gostado das dicas! Beijos, Mi.

Fotos: Blog AskMi

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#cabelos#Coconut Miracle Oil#condicionador#cuidados#Davines#hair#Kèrastase#máscara#Nutritive da Kerastase#Paul Mitchell#Petit Junior Klorane#shampoo#Tangle Teezer#ZooPers Kids

Almofadas na decoração!

Almofadas na decoração!

Eu amo almofadas e acredito que elas têm o poder de mudar o ambiente! Minhas preferidas são as de tapeçaria, os modelos feitos com tecidos de veludo e também as que possuem detalhes como passamanarias (apliques, fitas ou cordões aplicados),  grelot (aquela fita pompom sabe?), confiram alguns modelos para você mudar a decor da sua casa sem gastar muito! Vou começar com modelos em veludo…escolhi imagens com dois tipos de ambientes, alguns mais coloridos e outros mais clássicos. Mas vejam que nos dois exemplos é possível fazer um mix bem bacana com as almofadas, elas podem ser coloridas ou com cores mais sóbrias. Confiram:

 

Askmi3

 

Askmi7

 

Askmi2

 

Askmi4

 

Askmi8

 

E também as almofadas em tapeçaria, que acho lindo! Para este tipo de almofada, prefiro estofados claros, como nos exemplos abaixo, vejam:

 

Askmi6

 

Askmi1

 

Fotos: Internet

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#almofadas#Blog AskMi#decor#Decoração#dicas#grelot#Marina Xandó#passamanarias#tapeçaria#veludo

Receita do Dia: Merengue de morango em taças de Martini!

Receita do Dia: Merengue de morango em taças de Martini!

Estou programando um chá da tarde aqui em casa e estava louca para servir merengue em taças de Martini, que criam um efeito lindo! Mas eu, que sou zerooooo a esquerda no assunto culinária, fiquei super na dúvida em como fazer! Porém encontrei uma receita show na internet e amei, do site da Vogue. Nesta receita, os  chefs Mayra Batista e Felipe Miyake, do restaurante La Varenne, entregam a receita clássica do merengue italiano, com morangos frescos e chantilly, confiram:

 

receita

 

Merengue Italiano
Tempo de preparo: 20 minutos
Rendimento: duas pessoas

Ingredientes

2 bolas de sorvete de creme
100ml de creme de leite fresco
2 colheres de sopa de açúcar refinado
50g de suspiro (tamanho pequeno)
1 bandeja de morangos

 

Modo de preparo

Bata no liquidificador metade do morango para fazer a calda e a outra metade corte em quatro pedaços. Bata o creme de leite com açúcar até virar chantilly.

 

Montagem

Em uma taça coloque parte da calda, o sorvete, morangos cortados, suspiros, chantilly, mais morangos, suspiros e o restante da calda.

 

Imagem e receita: Casa Vogue

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#Blog AskMi#dicas#merengue#merengue italiano#receita#taças de martini

As principais doenças do frio!

As principais doenças do frio!

Sempre que chega essa época do ano fico preocupada com as doenças que esse período pode causar, principalmente nas crianças. Aqui em casa gosto de prevenir e cuidar bem da Vivi e das primas, afinal quando uma pega uma gripe, todas pegam também, rs. O inverno tem doenças características que podem ser: resfriados, gripe, rinite, asma, entre outras. O motivo? Segundo a Dra. Priscila Moraes, médica especialista em alergia e imunologia do Docway, baixas temperaturas e o ar seco fazem com que os poluentes e micro-organismos permaneçam mais tempo suspensos no ar. Além disso, as pessoas tendem a ficar mais tempo fechadas, sem ventilação adequada, o que favorece o aparecimento tanto de doenças respiratórias infecciosas como alérgicas.

 

Frio

 

Um cuidado especial deve ser dado às pessoas mais suscetíveis a complicações por vulnerabilidade do sistema imunológico, como crianças, idosos e pessoas com doenças crônicas. Veja abaixo como saber reconhecer as principais doenças do inverno:

 

1) Resfriado x Gripe

Popularmente, as infecções virais de vias aéreas superiores são chamadas, de modo generalizado, de gripe. No entanto, são doenças diferentes. Ambas são causadas por vírus, porém se apresentam de maneiras distintas.

O resfriado é provocado por vírus como adenovírus, rinovírus e vírus sincicial respiratório. Em geral, provoca sintomas mais brandos, com coriza, tosse, congestão nasal, dor no corpo e dor de garganta leve. A febre, quando presente, costuma ser baixa. Normalmente, os sintomas duram até 3 dias e apresentam melhora espontânea.

Já a gripe, provocada pelos vírus Influenza, entre eles o H1N1, provoca sintomas mais intensos, como febre alta, calafrios, dor muscular, dor de cabeça, coriza e, algumas vezes, pode evoluir com complicações respiratórias. A duração é mais prolongada, podendo chegar a 7 dias, com melhora espontânea. Em alguns casos, pode ter como consequências infecções bacterianas, como pneumonia e sinusite.

 

2) Rinite x Sinusite

Rinite é uma inflamação da mucosa nasal, caracterizada por dois ou mais dos sintomas: coriza, espirros, nariz entupido e coceira. Ela pode ser de causa alérgica ou não alérgica. Os principais desencadeantes da rinite alérgica são os ácaros presentes na poeira doméstica, seguidos por pelos de cão e gato, mofo e pólen. Entre as não alérgicas, as de maior importância no inverno são as infecciosas, provocadas por vírus, e as irritativas, provocadas pela poluição. O tratamento inicial deve ser com antialérgicos e, dependendo de cada caso, pode ser necessário corticoide local.

A sinusite pode ser uma consequência tanto da rinite alérgica como da não alérgica. Os principais achados são secreção nasal esverdeada, nariz entupido e dor de cabeça/face. Muitas vezes, só melhora após tratamento com antibiótico.

 

3) Bronquite x Asma

A bronquite é uma doença aguda, provocada pela inflamação das vias aéreas inferiores (brônquios) e tem como principal causa as infecções virais. Além da tosse, quase sempre presente, também pode apresentar febre e falta de ar. Tem duração de poucos dias e a melhora costuma ser espontânea, com auxílio de medicamentos sintomáticos.

A asma é uma doença inflamatória crônica, na maioria das vezes de causa alérgica, que provoca sintomas de falta de ar, chiado no peito e tosse. Quase sempre, sintomas melhoram após o uso de medicamentos para aumentar o espaço da passagem do ar, os broncodilatadores. Dependendo da frequência e gravidade dos sintomas, é necessário usar corticoide oral ou inalatório.

 

4) Bronquiolite

Bronquiolite é a infecção dos bronquíolos dos bebês causada por vírus, normalmente o Vírus Sincicial Respiratório (VSR). É mais comum até 3 anos de idade e costuma ser o primeiro episódio de chiado na infância. Provoca tosse, respiração ofegante, queda da saturação de oxigênio no sangue e é motivo comum de internação nessa faixa etária. Em geral, melhora espontaneamente, com medicamentos sintomáticos; em alguns casos, há necessidade de suporte respiratório com oxigênio.

 

5) Pneumonia

É a infecção que se instala nos pulmões. Pode ser causada por vários micro-organismos diferentes (bactérias, vírus, fungos) e provoca tosse, dor no tórax, mal-estar, falta de ar e, ainda, pode apresentar secreção amarela ou esverdeada. O tratamento, na maioria das vezes, é feito com antibiótico.

As medidas de prevenção que devem ser tomadas:

  • Manter vacinas em dia. A vacina da gripe deve ser aplicada anualmente e é gratuita para grupos de risco.
  •  Lavar bem as mãos sempre que possível e, indispensavelmente, antes de se alimentar, após espirrar ou tossir e depois de usar o banheiro.
  • Proteger com o braço (e não com as mãos) quando espirrar ou tossir
  • Fazer higiene da casa adequadamente, de maneira que diminuam os alérgenos do ambiente, como ácaros da poeira
  • Evitar lugares com aglomerados de pessoas e lugares sem ventilação adequada
  •  Em locais com ambiente seco, é recomendável o uso de um umidificador de ar no ambiente, desde que usados por poucas horas e com saída de vapor de até 60%.
  •  Beber muita água

 

Colaboração de Texto: Camila Borba – P+G Comunicação Integrada

Foto: Internet

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#Blog AskMi#Crianças#cuidados#doenças#Frio#gripe#idosos#inverno#pneumonia#resfriado#rinite#sinusite