Dicas em Roma com crianças!

Dicas em Roma com crianças!

Estive em Roma há muitos anos atrás e confesso que não via a hora de voltar!  Já faz um bom tempo que estava querendo ir para Dubai mas nunca conseguia uma data legal em uma época adequada, já que a logística escola  da Vivi + inverno na cidade (no verão não me indicaram ir a Dubai) precisavam “conversar” entre si!

 

Foi aí que pensamos em ir pertinho do carnaval (nada de provas no colégio da Vivi e temperatura super agradável na cidade de Dubai). Meu marido teve a ideia de irmos pela Europa! Na hora eu topei! Kkkk Pesquisando tarifas, encontramos uma promoção super bacana de classe executiva pela Alitalia com destino a….. ROMA! E lá fomos nós!

 

Não tínhamos muito tempo para um lugar que oferece tantas maravilhas. Neste primeira parada seriam 3 dias e 2 noites e, na volta de Dubai, mais 2 dias (tempo para fazer somente o Vaticano por conta do “jet leg”)! Outro ponto: com kids não da para fazer mil coisas, eles ficam cansados e isso pode tornar a viagem chata e cansativa!

 

Vou resumir nossa programação destes dias e depois farei um post especial sobre dicas de restaurantes e lojas na cidade, combinado?! Confiram as dicas de Roma:

 

Fontana Di Trevi: é a “Mostra da Água Virgem”. A lenda da sua descoberta está descrita em um baixo-relevo situado no alto da fachada da fontana: uma jovem indica às tropas de Marco Vipsânio Agripa, cansadas e com sede, a fonte onde beber água. Ao lado, um outro baixo-relevo representa Agripa que ordena a construção da primeira fonte dessa água. Foi o Papa Clemente XII, no século XVIII, que decidiu realizar a construção da fontana monumental próprio ali onde surgia a primeira fonte de “Água Virgem”, chamada assim justamente pela moça que ajudou as tropas de Agripa. O Papa quis uma fontana que decorasse a praça, mas também que fornecesse uma grande quantidade de água potável à cidade. A obra foi entregue a Nicola Salvi e começou em 1735. Em 1761, a fontana foi inaugurada. Vivi amouuuuu, olhem a carinha dela:

 

askmi1

 

DICA: nesta região ficam as sorveterias mais famosas de Roma! Não deixem de provar os famosos “gelatos” italianos!

 

Pantheon: Gigante, imponente e silencioso, passou através de todas as épocas da nossa história. Conheceu a Roma antiga, medieval, papal, renascentista, até se tornar o protagonista indiscutível da Roma capital, quando foi escolhido, pelos Reis da Itália unificada, como sacrário do novo reino. A sua aparência atual deve-se à construção do imperador Adriano (séc. II d.C.), mas o primeiro edifício foi obra do Marco Agripa, consul romano, braço direito e genro do imperador Augusto.

 

Para mim, um dos monumentos mais incríveis de Roma! A cúpula (aberta) gigantesca é uma prova de como os romanos sempre foram craques em engenharia! Eles acreditavam que a obra era coisa dos “céus” já que eles se aqueciam lá dentro com grandes fogueiras e, mesmo em caso de chuvas, com a cúpula aberta, molhava muito pouco! DICA: não deixe de almoçar e/ou jantar no Armando ao Pantheon , logo ali na lateral!

 

askmi2

 

Coliseu: Maior e mais famoso símbolo do Império Romano, o Coliseu era um enorme anfiteatro reservado para combates entre gladiadores ou opondo esses guerreiros contra animais selvagens. Suntuoso, era mais confortável do que muitos estádios modernos. Sua construção foi iniciada no ano 72 d.C., por ordem do imperador Flávio Vespasiano, que decidiu erguê-lo no local de um antigo palácio de Nero, seu antecessor no comando do império. As obras levaram oito anos para serem concluídas e, quando tudo ficou pronto, Roma já era governada por Tito, filho de Vespasiano. Para homenagear seu pai, Tito batizou a construção de “Anfiteatro Flaviano”.

 

Alguns historiadores especulam que o nome Coliseu só apareceria centenas de anos depois, talvez no século 11, e teria surgido inspirado no Colosso de Nero, uma estátua de bronze de 35 metros de altura, que ficava ao lado do anfiteatro. Os primeiros combates disputados para comemorar a conclusão do Coliseu duraram cerca de 100 dias e se estima que, só nesse período, centenas de gladiadores e cerca de 5 mil animais ferozes tombaram mortos em sua arena de 85 por 53 metros. Os jogos levavam o público ao delírio. Suas arquibancadas, construídas a partir de 3 metros do solo, acomodavam mais de 50 mil pessoas. Um camarote bem próximo à arena era destinado ao imperador de Roma, que era reverenciado pelos gladiadores antes dos espetáculos com uma saudação que se tornaria famosa: “Salve, César! Aqueles que vão morrer te saúdam”.

 

O anfiteatro, o primeiro permanente erguido em Roma, funcionou como o principal palco de lutas da cidade até o ano 404, quando o imperador Flávio Honório proibiu definitivamente os combates entre gladiadores. Depois disso, o Coliseu teve diversos usos. Chegou a ser empregado como cenário para simulações de batalhas navais, ocasiões em que a área ocupada pela arena era alagada. Durante a Idade Média, o mármore e o bronze de sua estrutura foram sendo saqueados aos poucos e usados para ornamentar igrejas e monumentos católicos. Peças de mármore do anfiteatro foram empregadas até na construção da famosa Basílica de São Pedro, no Vaticano. Já no século 11, quando Roma era dominada por uma família de barões, o Coliseu foi transformado em uma fortaleza, abrigando membros de uma família nobre, os Frangipane, que usaram a edificação para proteger-se em suas batalhas contra grupos rivais. Uma pena hoje ele estar em ruínas (esqueleto) mas, ainda sim, vale a pena a visita e conhecer esse, que foi e ainda é o maior anfiteatro do mundo!

DICA: compre sua entrada com antecedência! As filas são gigantescas!

 

askmi4

 

askmi3

 

Piazza de Spagna: Um dos meus lugares preferidos em Roma! Essa famosa escadaria teve ajuda financeira da Espanha (dai se entende o porquê do nome) em sua construção! A ideia era fazer um acesso de degraus para a igreja que fica ali acima e, consequentemente, ajudar o acesso dos pedestres que queiram ir orar, especialmente as mulheres! Em sua volta você encontra as principais e mais luxuosas marcas do mundo como Pucci, Fretti, Moncler, Valentino e muitas outras! Amo andar por lá sem destino já que as mais conhecidas  ruas de Roma estão a passos da escadaria como por exemplo a Via Condotti!

 

DICA: não deixe de tomar um café ou comer uma sobremesa no Caffe Grecco um dos mais antigos da cidade, com seu interior lindo e tradicional!

 

Basílica Santa Maria Maior: Para mim, uma das mais bonitas da cidade, visita imperdível! Lá, você encontra pedaços da manjedoura do menino Jesus trazidos por Helena, mãe do Imperador Constantino! De se emocionar!

 

askmi6

 

askmi5

 

Igreja da Escada Santa: Reza a lenda que Helena (sim, a mesma que trouxe pedaços da manjedoura de Belém) conseguiu (300 anos após Cristo aproximadamente) trazer as escadas em que Jesus ajoelhou-se a Pôncio Pilatos quando este o julgou! Não é uma igreja tão antiga e muito visitada porem é um lugar de energia maravilhosa!

 

Villa Borghese: Para mim, a galeria mais linda do mundo! Daquelas que você precisa conhecer!

DICA: não deixe de comprar seus ingressos antes, é por hora marcada e número limitado de pessoas!

 

askmi9

 

askmi10

 

askmi8

 

askmi7

Eu e Vivi analisando os afrescos (pinturas) do teto e imaginando as histórias.

 

DICA FINAL: Vocês devem estar se perguntando: nossa, mas ela fez tudo isso em tão pouco tempo, como pode?! Bom, um dos maiores investimentos que faço em viagens como esta é investir em guias e motorista!! Faz toda a diferença, sem contar na economia de tempo e cansaço! Sim, não é algo barato mas eu sou da linha que, se precisar, deixo de comprar qualquer coisa para ter um “luxo” como esse! Super indico a @benarrivati . Eles fazem todo o roteiro, organizam sua viagem como ninguém: desde compras antecipadas até entradas para qualquer museu/galeria; shows; tour exclusivo pelo Vaticano; audiência papal e muito mais!

 

Ufa! Acho que é isso! Ahhh faltou o Vaticano, que faremos em alguns dias, após o retorno de Dubai! Vou fazer um post exclusivo sobre a experiência. Beijos e não se esqueçam: Roma é sim um lugar super bacana para kids!

Fotos: Blog AskMi

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#Blog AskMi#dicas#Itália#Italy#kids#Marina Xandó#romã#Roma com criança#travel#Viagem#viagem com criança

Dica para arrumar a mala de viagem!

Dica para arrumar a mala de viagem!

Dicas que vocês AMAM: arrumação de malas para uma viagem muito muito especial #sónos3 ! 2 destinos que nunca postei aqui! Hoje organizei tudo com os saquinhos organizadores e necessaires by @arrangier ! Como facilitam a arrumação das malas, organização da viagem e espaço das malas!

 

A Arrangier é uma marca que combina organização e beleza, praticidade e paixão. Eles possuem produtos marcantes e de soluções diferenciadas, oferecendo necessaires, capas de mala e bolsas que não são apenas necessaires, capas de mala e bolsas. São produtos que realmente facilitam muito a organização e espaço da mala, além de ser tudo personalizado! E as opções de estampas são infinitas!

 

Eu sou muito organizada e adoro levar nas viagens os looks já planejados, pois facilita muito. Assim já levo os looks meus, da Vivi e do Victor. Dessa maneira, conseguimos economizar espaço, onde podemos usar uma peça mais de uma vez em outros looks. Sempre etiqueto depois, com o nome da cidade em que vou usar. E essas saquinhos tem pra roupa, lingerie, sapatos…muito bom! Vejam as fotos do “ ANTES” e “DEPOIS” e as estampas que escolhi pra mim, Vivi e Victor que lindas.

 

askmi1

 

askmi2

 

askmi3

 

askmi

 

Fotos: Blog AskMi

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#Arrangier#dicas#mala#organização#Viagem

Mudanças nos ingressos da Disney!

Mudanças nos ingressos da Disney!

Fiz uma postagem no feed contando que a Disney alterou sua política quanto aos ingressos dos parques e vi que muitos leitores ficaram na dúvida! Então decidi fazer um post explicando melhor para ninguém ter nenhum tipo de “dor de cabeça” quando estiver indo para Orlando!

 

askmi

Eu, Vivi e minha mãe no meu parque preferido – Magic Kingdom.

 

A partir de agora o ingresso da Disney passa a ter data marcada para início de utilização. Anteriormente você comprava o ingresso e chegava a ter até 1,5 ano para utilizá-lo. Com a nova regra, você passa a ter que escolher uma data para uso do ingresso e não mais terá uma data flexível para utilização.

 

Se antes da viagem, você tiver mudança de planos, será necessário fazer a alteração de data do ingresso. Já foi confirmado que o visitante poderá fazer alteração na data diretamente no My Disney Experience. Se o novo ingresso escolhido for mais caro, é possível pagar a diferença, se o ingresso for mais barato, não haverá reembolso.

 

Outra mudança será em relação a preços diferenciados de ingressos de acordo com a data de visita. Atualmente somente o ingresso de 1 dia tem preço diferenciado dependendo da data da utilização. Depois dessa mudança todos os ingressos, de 2 ou mais dias, também terão preço diferenciado de acordo com a data. Numa mesma semana chegam a ter 6 diferentes valores diferentes de ingresso. O que vai determinar um preço ou outro é o dia que o visitante vai começar a utilizá-lo. São dezenas de valores diferentes para cada tipo de ingresso durante o ano.

 

Portanto, pessoas que optarem por viajar em épocas de maior movimento, vão pagar ingressos mais caros do que pessoas que viajarem em período de baixa temporada. Nessa época de Natal/Ano Novo pagamos 129,00 dólares! Bem salgado o valor!

 

Outra mudança significativa está no tempo de utilização do ingresso. Atualmente os ingressos de 2 ou mais dias podem ser usados num período de 14 dias. A partir de agora haverá um tempo máximo para uso dos ingressos dependendo do número de dias comprado, de acordo com a tabela abaixo:

 

2 dias de ingresso: validade de 4 dias

3 dias de ingresso: validade de 5 dias

4 dias de ingresso: validade de 7 dias

5 dias de ingresso: validade de 8 dias

6 dias de ingresso: validade de 9 dias

7 dias de ingresso: validade de 10 dias

8 dias de ingresso: validade de 12 dias

9 dias de ingresso: validade de 13 dias

10 dias de ingresso: validade de 14 dias

 

Portanto, quem comprar, por exemplo, um ingresso de 4 dias, só terá uma semana entre o primeiro dia e último dia de utilização dos ingressos. Então não dá mais para ficar com tantos dias de folga entre um parque e outro como ocorria antes. Então pessoas que gostam de começar e encerrar uma viagem de 10, 12, 14 dias com o Magic Kingdom, por exemplo, não vai mais poder fazer isso. Para ter essa flexibilidade terá que comprar o ingresso “premium”. Esse ingresso “premium” seguirá as regras de hoje, portanto poderá ser usado em qualquer data e terá 14 dias de janela de utilização. Só que esse benefício terá um custo!

 

Nessa viagem por exemplo paguei um valor bem pequeno, pois eu e a Vivi não precisamos marcar data exata da nossa visita aos parques durante a semana que ficamos! Acho que foi em torno de 14 dólares mas vale a pena checar quando você for! Outra alternativa para aumentar esse tempo de utilização será comprar um ingresso de mais dias, exemplo de 6 dias, para poder ter 9 dias de janela para utilização. Em algumas datas essa opção será economicamente mais vantajosa do que comprar o ingresso “premium”.

 

Para ingressos hopper plus, que inclui também os parques aquáticos e mini golf, ganha-se somente mais um dia de utilização, então a tabela passa a ser:

 

2 dias de ingresso: validade de 5 dias

3 dias de ingresso: validade de 6 dias

4 dias de ingresso: validade de 8 dias

5 dias de ingresso: validade de 9 dias

6 dias de ingresso: validade de 10 dias

7 dias de ingresso: validade de 11 dias

8 dias de ingresso: validade de 13 dias

9 dias de ingresso: validade de 14 dias

10 dias de ingresso: validade de 15 dias

 

Um detalhe: Se o visitante marcou uma determinada data para usar o ingresso e por alguma razão só vai começar a usar no dia seguinte, não tem problema, porém a validade do ingresso não será alterada. A justificativa da Disney é no sentido de não ter superlotações bem como distribuir melhor a quantidade de pessoas durante o ano!

 

Fonte: Muitas informações busquei no site Andreza Dica e Indica.

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#Blog Ask Mi#dicas#Disney#férias#travel#Viagem#viagens

Dois programas imperdíveis na Disney!

Dois programas imperdíveis na Disney!

Para mim, existem 2 programas que não podem faltar quando estamos em Orlando: um bom café da manhã com personagens e jogo de basquete (para quem tem mais de 6 dias na cidade e quer tirar um day off de parques)!

 

askmi7

 

askmi6

 

askmi1

 

Os cafés da manhã na Disney podem ser reservados com até 6 meses de antecedência através do aplicativo My Disney Experience! Normalmente eles são bem concorridos e vale a pena você fazer reservas com ao menos 3 meses de antecedência. Os que mais gosto são o Chef Mickey (este das fotos) que fica dentro do hotel Contemporary, o do hotel Grand Floridian e, por fim, do hotel Four Seasons que, por ter poucas mesas, é mais difícil conseguir uma reserva. Mas eu acho incrível!

 

askmi3

 

askmi2

 

askmi4

 

Já com relação aos jogos, você pode adquirir através do site oficial! Diversão garantida para toda a família, mesmo quem não curte o esporte já que  cada intervalo é um show à parte! Incrível!

Fotos: Blog Ask Mi

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#Blog Ask Mi#café da manhã#dicas#Disney#jogo de basquete#Michey#Viagem

Londres, quarto dia!

Londres, quarto dia!

Meninas, neste dia percebi que a Vivi precisava dormir, acho que foi cansaço acumulado da viagem! Mesmo fazendo somente coisas legais, visitando lugares lindos, a gente fica cansado! Já estamos há mais de 16 dias longe de nossa casa, da rotina e isso acaba pesando para crianças (até para nós)! Vivi acordou meio-dia, totalmente renovada e descansada… fiquei tão feliz! Fomos direto almoçar no famoso CUT, dentro do hotel 45 Park Lane, da rede Dorchester! O  hotel é super contemporâneo, com atendimento maravilhoso! Já o CUT dispensa comentários, de tão renomado que já é! Existe em outras cidades e posso afirmar que é um dos meus restaurantes de carne preferidas em Londres! Dica: peçam o creme de espinafre, de comer de joelhos!

 

Askmi1

 

Depois fomos em dois museus, que ficam um ao lado do outro. A Vivi amouuuuuuu, quis ver tudo! Achei muito bacana para os pequenos: explica a origem do mundo, os animais, insetos, temperaturas, terremotos e muito mais… Sempre tem alguma exposição diferente! As entradas nos museus de Londres são gratuitas, somente as exposições ocasionais que são pagas e convém comprar antes!

 

Askmi2

 

Logo ali ao lado tem o Victoria and Albert, meu museu preferido na cidade! Vivi não se interessou tanto, claro, tinha acabado de sair de um lugar de pura diversão! Mas eu aproveitei muito e fui a exposição da Frida Kahlo! O maior museu de artes decorativas e design do mundo. Assim se define o Museu Victoria & Albert, onde encontramos em exposição artefatos de até 3.000 anos, procedentes de diversas culturas, entre eles peças de cerâmica, mobiliário, moda, joias, fotografia, escultura e pinturas. O museu foi estabelecido em 1852, inicialmente para incentivar o design britânico e servir de inspiração para as gerações futuras.

 

Localizado na área nobre de South Kensington, o V&A, como é conhecido o museu, é vizinho dos museus da Ciência e de História Natural. É um museu imenso, com 145 galerias cobrindo mais de 50 mil metros quadrados e quase 60 mil itens em exposição. Ficamos apenas uma hora, não consegui ver nem 1/3 mas está valendo! Uma das alas mais interessantes do museu Victoria & Albert é a coleção de moda, disposta na sala 40, logo na entrada do museu. Mesmo para quem não é muito ligado no assunto, é bacana acompanhar a evolução de nossas roupas do século XVII aos dias de hoje, em uma mostra muito bem montada de vestidos, bolsas, sapatos e acessórios. A ênfase da exposição é no design progressivo que tem influenciado a moda nos principais centros europeus. DICA: é impossível querer ver tudo em uma visita. Por isso, selecione uma área de interesse, ou siga uma das trilhas sugeridas pelo museu. Assim, você não ficará exausto e nem frustrado.

 

Askmi3

 

Não tivemos tempo para ir ao museu de ciências, logo ao lado… fiquei com muita pena mas já estava fechado!

 

Por volta das 18hs, fomos a minha loja amada: Fortnum & Mason, ou Fortnum’s! Inaugurada  em 1707,  fica em 181, Picaddilly, bem perto de Piccadilly Circus. O prédio de esquina conta com 4 andares cheios do que há de mais tradicional e requintado em termos de alimentação, bebidas e presentes. Afinal, não é à toa que a loja é fornecedora oficial de vários produtos para a família real há mais de 150 anos! No andar térreo estão as guloseimas saídas das padarias e patisserie, além de chás, cafés, geleias, conservas, condimentos, chocolates e muito mais. Funciona neste piso um ótimo restaurante que serve do café da manhã ao jantar, The Gallery. Uma descidinha no subsolo vale a pena, pois é lá que se encontram os queijos, os embutidos, as carnes especiais e uma excelente adega de vinhos. No The Wine Bar  são servidos os vinhos que podem ser acompanhados dos petiscos e aperitivos vendidos na casa.

 

Uma escada em espiral levará a primeiro andar, que é uma perdição para quem gosta de cozinha. É lá que fica a Cookshop, onde estão os utensílios e acessórios mais lindos do mundo e também as tradicionais “hampers“, cestas de vime recheadas de produtos da loja, em vários modelos, tamanhos e preços. As cestas para picnic são um capítulo a parte, impossível não se apaixonar! Neste andar, há também uma lanchonete, The Parlour, que serve sorvetes, refeições leves e bebidas quentes e frias. Mas não é só comidas e bebidas que encontramos na loja. O segundo andar é inteiramente dedicado às mulheres, com uma seleção de perfumes, jóias, bijouterias, bolsas, produtos de beleza, entre outros.  No terceiro andar está o departamento masculino, e também o departamento de malas, acessórios de couro e papelaria. Neste andar funciona um bar, com o interessante nome de 3 and 6.

 

Para um chá da tarde digno da realeza, dirija-se ao quarto andar: especificamente ao The Diamond Jubilee Tea Salon, o salão de chá que foi reinaugurado em 2012, ano do jubileu de diamante, pela própria Rainha Elizabeth, juntamente com as duquesas de Cornwall (Camilla) e Cambridge (Kate). O menu é extenso e diversificado, mas um chá completo com acompanhamentos doces e salgados custa a partir de £ 44,00 por pessoa (preço de 2017). Pela primeira vez nos mais de 300 anos de história da marca, em 2013 a Fortnum & Mason abriu uma nova loja, localizada na estação St Pancras. Seguindo o sucesso da empreitada, em 2014 foi inaugurada uma filial no terminal 5 do aeroporto de Heathrow. Mas a loja de Piccadilly continua sendo a mais charmosa!

 

Askmi4

 

Depois, fomos a Harrods jantar e acabei ficando sem bateria! Que raiva! Mas minha dica é: não deixem de ir ao andar Kids! Quase surtei com a seleção das marcas e também porque estava com uma promoção imperdível!

 

Askmi5

 

Beijos e até o próximo post!

Fotos: Blog Ask Mi

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#45 Park Lane#Blog Ask Mi#dicas de viagens#Dorchester#Harrods#hotel#Londres#museus#o que fazer em Londres#travel viagem com criança#travel with kids#trip#Viagem