Décimo dia em Portugal!!

Décimo dia em Portugal!!

Saímos de Coimbra de manhã com destino a fábrica da Vista Alegre e Aveiro! A fábrica ficava no caminho entre Coimbra e Aveiro, considerada a Veneza de Portugal! Eu sempre quis conhecer a fábrica dessa marca de louça que adoro! Ameiii, especialmente as 3 lojas que tem ali, uma delas é outlet! E também amei o museu, que conta a história dessa fábrica datada em meados de 1800 e que encanta a todos até hoje! Eu sou fã de carteirinha! Os valores, comparados a do Brasil é cerca de 50% de desconto! Acho que vale a leva se você tiver espaço e também não tiver feito compras altas pois temos que obedecer o limite dado a brasileiros!

 

Askmi2

 

Askmi1

 

Outra coisa que me encantou foi a capela da fábrica, nunca vi tão linda! Já existia antes do fundador da marca ter comprado a área!

 

Askmi3

 

Depois, partimos para a cidade de Aveiro, conhecida pelos passeios de moliceiros e também pelos seus famosos ovos moles de Aveiro! Essa é a empresa que reservamos o passeio de barco antes de sairmos do Brasil: eles fecharam somente para nosso grupo é serviram doces de champanhe! Uma delícia! As meninas adoraram!

 

Askmi4

 

Askmi5

 

Depois, fomos conhecer experimentar os famosos doces, que tem uma história interessante: as Freiras dos antigos conventos usavam as claras de ovos para engomar seus trajes! Com a gema que sobrava, elas criaram os ovos, evitando desperdiçar!  Como na época se falava muito no pecado da gula, elas embrulhavam o doce da gema em hóstias, para disfarçar! Rs. E disso criou-se os famosos ovos moles de Aveiro! Indico dois lugares: Confeitaria Peixinho e Maria da Apresentação.

 

Askmi6

 

Hora de voltar para casa! Delícia de dia! Mas, se vocês perguntarem se eu indico perder um dia para ir a Aveiro eu digo não! Ainda mais se você não tiver muito tempo em Portugal?! Somente se estiver no caminho entre cidades que estão no seu destino! A cidade é bonita mas existem destinos mais bacanas nesse país! Para quem for indico o restaurante Salpoente! Beijos e até o próximo post!
Fotos: Blog Ask Mi
Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#Aveiro#Blog AskMi#cidade charmosa#dicas#dicas de passeio#dicas de viagem#fábrica#férias#lojas em Portugal#louças#Marina Xandó#museu#o que fazer#porcelana#Portugal#riqueza histórica e cultural#travel#trip#vacation#viagem em família#visita a fábrica#Vista Alegre

Nono dia em Portugal!

Nono dia em Portugal!

Nosso nono dia nesse país encantador começou com um passeio maravilhoso em Coimbra! Mas antes quero contar um pouquinho desse hotel dos sonhos que ficamos hospedados: Quinta das Lágrimas! O hotel representa uma das histórias de amor mais antigas do mundo, que inclusive se tornou romance de muitos escritores. Abaixo segue a história de amor e neste hotel era o local onde D. Pedro e Inês se encontravam até ela ser morta.

 

Askmi1

 

Dom Pedro I (não o imperador do Brasil, mas sim o primeiro Dom Pedro de Portugal) foi contra seu próprio casamento arranjado com D. Constança. Ele eventualmente acabou se apaixonando pela dama de companhia da esposa, a galega Inês de Castro. Mesmo após o falecimento da esposa, ele foi proibido por seu pai, o então rei de Portugal Dom Afonso IV, a se casar com Inês, pois temia-se influência da família espanhola. Para evitar que isso acontecesse, os conselheiros do rei o convenceram a assassinar Inês, sem saber que os amantes já haviam se casado em segredo. Inês foi morta em 1355 no Paço da Rainha, em Coimbra. Dois anos depois, quando Dom Pedro ascendeu ao trono, vingou-se dos assassinos arrancando e comendo seus corações. Depois exumou e coroou o cadáver em decomposição. Por ordem dele, foi enterrado em Alcobaça ao lado da amada, com os pés dele em direção dela e vice-versa, assim chegada à hora poderão se erguer e enxergar um ao outro imediatamente. Dessa história deriva a expressão portuguesa “Agora Inês é morta”, indicando que é tarde demais para tomar alguma atitude.

 

Askmi2

 

Bom, depois de passar a manhã no hotel, fomos conhecer a faculdade de Coimbra! Para qualquer estudante de direito do mundo, trata-se de um privilégio pois além dela ter a primeira biblioteca da Europa e uma das mais completas existentes até hoje, retrata muita história! Fiquei apaixonada!

 

Askmi3

 

Biblioteca Joanina: construída entre os anos de 1717 e 1728, é um dos expoentes  do Barroco Português e uma das mais ricas bibliotecas europeias. Ficou conhecida como Biblioteca Joanina em honra e memória do Rei D. João V (1707-1750), que patrocinou a sua construção e cujo retrato, da autoria de Domenico Duprà (1725), domina categoricamente o espaço. É composta por três pisos: o Piso Nobre, espaço ricamente decorado, a face mais emblemática da Casa da Livraria; o Piso Intermédio, local de trabalho e funcionou como casa da Guarda; a Prisão Acadêmica, que de 1773 até 1834 foi o local de clausura dos estudantes. O Piso Nobre, terminado em 1728, começou a receber os primeiros livros depois de 1750, e atualmente  o seu acervo é composto por cerca de 40.000 volumes. Toda a sua construção visa a conservação do acervo bibliográfico, desde a largura das paredes exteriores às madeiras no interior. Foi utilizado como local de estudo desde 1777 até meados do séc. XX, com a entrada em funcionamento da atual Biblioteca Geral.

 

Askmi4

Capela da Universidade, umas da mais lindas da viagem.

 

Askmi5

 

A maioria dos prédios da Universidade de Coimbra (principalmente os mais antigos) fica na Alta. Como o nome diz, é o alto do morro onde, no passadp da ocupação dos mouros (711 a 1130), ficava a cidade fortificada, que era onde a aristocracia vivia. Foi nessa época que começou a construção do atual Paço das Escolas, que depois da criação do Reino Portugal tornou-se o Paço Real, casa dos primeiros reis portugueses. O passeio pelo Paço das Escolas é pago para não-estudantes. A visita inclui acesso à Biblioteca Joanina, Capela da São Miguel, Sala dos Capelos, Sala do Exame Privado e Sala das Armas. Os outros prédios da Universidade você pode simplesmente entrar e visitar. No total são 21 prédios na Alta e 10 edifícios na Sofia (que fica na Baixa, onde é o centro comercial).

 

Também indico visitar a Sé Velha e a Sé Nova! Lindas! Andar pelo centro histórico também é um programa imperdível! Recomendo se perder nas lojinhas e ruas pequena dessa cidade encantadora que é Coimbra! Recomendo muitooooo incluí-la em uma visita a Portugal!

 

Depois fomos com as crianças no Portugal dos Pequeninos. Vocês conhecem o Mini-Mundo em Gramado? A Portugal dos Pequeninos também traz miniaturas de monumentos importantes. A diferença está na escala de tais miniaturas, que são grandes o suficiente para uma criança entrar.

 

Askmi1

 

Nossa noite terminou no restaurante do hotel, que super recomendo, mesmo quem não esteja hospedado lá! Beijos e até o próximo post!

Fotos: Blog Ask Mi

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#biblioteca Joanina#Blog AskMi#cidade antiga#cidade charmosa#Coimbra#dicas#dicas de passeio#dicas de viagem#Dom João#Dom Pedro#férias#Lisboa#lojas de enxoval#lojas em Portugal#Marina Xandó#museu#o que fazer#Paço da Rainha#Portugal#Portugal dos Pequeninos#Quinta das Lágrimas#riqueza histórica e cultural#santuário#travel#trip#Universidade de Coimbra#vacation#viagem em família

Oitavo dia em Portugal!

Oitavo dia em Portugal!

A família aqui têm saído do hotel tarde (sempre por volta das 11hs)! Com crianças não tem o que fazer: ou você entra no ritmo delas ou a viagem acaba sendo um caos! As meninas têm dormido por volta de 11 da noite e acordam sempre no último segundo para tomar café da manhã rsrsrs! Mas não posso reclamar pois esta tudo tão divino!!!! Parece um sonho essa viagem! Depois de uma semana em Cascais, hora de partir para Coimbra, cerca de 2 horas de Cascais! Porém, fizemos um pequeno desvio para visitar o santuário de Fátima!

 

Chegamos na cidade por volta das 14hs e fomos direto para o restaurante Tia Alice, meu preferido de Portugal (dentre os poucos que conheço)! Sou tão apaixonada por esse lugar, vocês nem imaginam!

 

Askmi3

No clique, eu com Tia Alice, que está com 83 anos e continua a todo vapor, com suas mãos de fada!

 

Askmi2

Esse aqui é meu prato preferido: bacalhau gratinado com Camarões (em Portugal se chama Gambas)

 

Askmi7

Duas sobremesas divinas! Não deixem de provar o bolo do convento que acabei esquecendo de tirar foto! Outra dica é reservar sempre antes!

 

Santuário de Fátima, formalmente intitulado pela Igreja Católica como Santuário de Nossa Senhora do Rosário de Fátima, é um santuário mariano dedicado a Nossa Senhora de Fátima, localizado na Cova da Iria, na cidade de Fátima, concelho de Ourém, em Portugal. O Santuário de Fátima é, por excelência, um local de peregrinação cristã e devoção católica, preservando a memória dos acontecimentos que levaram à sua fundação, nomeadamente as aparições de Nossa Senhora aos três pastorinhos – Lúcia dos Santos, Francisco e Jacinta Marto – em 1917.

 

A sua magnitude e relevância do ponto de vista religioso é de há muito consensualmente reconhecida, nacional e internacionalmente. Por vontade expressa da Santa Sé Apostólica, este é um Santuário Nacional. É também um dos mais importantes santuários marianos do mundo pertencentes à Igreja Católica e de maior destino internacional de turismo religioso, recebendo cerca de seis milhões de visitantes por ano. Foi distinguido com três rosas de ouro papais e visitado pelos Papas Paulo VI (1967), João Paulo II (1982, 1991 e 2000), Bento XVI (2010) e Francisco (2017).

 

Askmi1

 

A sua edificação iniciou-se em 1919 com a construção da Capelinha das Aparições; ao longo dos anos o santuário foi sendo expandido, contando hoje com duas basílicas, o que representou um aumento significativo da capacidade de acolhimento de peregrinos em recinto coberto. Contudo, os diversos planos urbanísticos criados para ordenar seu crescimento tiveram pouco efeito prático, e o complexo que se vê atualmente é fruto mais de intervenções pontuais que atendiam a necessidades do momento do que de um planeamento unificado e de longo prazo. Por outro lado, o poderoso impulso gerado pelo Santuário de Fátima foi responsável pelo crescimento exponencial de uma zona do país até aí muito pouco desenvolvida.

 

É composto principalmente pela Capelinha das Aparições, o Recinto de Oração (exterior), a Basílica de Nossa Senhora do Rosário e a respetiva Colunata, a vasta Basílica da Santíssima Trindade, as casas de retiros de Nossa Senhora do Carmo e de Nossa Senhora das Dores, uma Via Sacra nos Valinhos e o Centro Pastoral Paulo VI. Conta também com espaços culturais e diversas outras edificações para os setores administrativos, acolhimento de peregrinos, atendimento médico, comércio, encontros e congressos, e outras atividades. O santuário teve ainda o contributo de artistas de várias gerações, nacionais e internacionais, que para aí realizaram um numeroso e diversificado conjunto de obras.

 

Aproveitei e comprei lembrancinhas, medalhas e água benta nas lojinhas na entrada do Santuário! Tem uma outra loja também, atrás da árvore onde os 3 pastorinhas avistaram Nossa Senhora! Bom, depois de um almoço incrível e a oportunidade de passar um domingo (aos finais de semana sempre tem missa e muita oração) abençoado e em um dos lugares com a melhor energia que conheço, hora de partir rumo a Coimbra, nosso destino nos próximos 3 dias! Beijos e até nosso próximo post de Portugal!
Fotos: Blog Ask Mi
Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#Blog AskMi#cidade antiga#cidade charmosa#dicas#dicas de passeio#dicas de viagem#férias#Lisboa#lojas de enxoval#lojas em Portugal#Marina Xandó#museu#Nossa Senhora de Fátima#o que fazer#Portugal#riqueza histórica e cultural#santuário#travel#trip#vacation#viagem em família

Sétimo dia em Portugal!

Sétimo dia em Portugal!

Hoje tiramos o dia para irmos a Lisboa somente as mulheres, digo, sem crianças e maridos! Isso porque o programa não seria bom para eles, pretendíamos ir à lojas, antiquários e feira da Ladra! Por ser um sábado, tínhamos que correr contra o tempo pois muitas lojas fechavam mais cedo! A primeira parada foi no antiquário de azulejos Portugueses antigos (séc. IX a XX aprox.) mais famoso da cidade, porém muitos brasileiros não conhecem: Solar Antiguidades! Gente, se você gosta de azulejos portugueses (nós 4 somos apaixonadas), preparem-se para este lugar! De enlouquecer! Aliás, ele fica localizado em um dos bairros e rua que mais gostei da cidade: o Príncipe Real!

 

Nos últimos anos, o bairro se transformou em um excelente local para fazer compras descoladas na cidade. Há várias lojas que ocuparam antigos prédios e locais interessantes que sofreram com a especulação imobiliária, como aconteceu com a LX Factory em Lisboa. Mas as áreas sempre foram aproveitadas, havendo agora lojas incríveis, como a Embaixada, que foi construído em 1877 e que passou a reunir casas, lojas de design, moda e gastronomia em seus espaços. Aproveite para conhecer o bairro, sua vista linda da cidade e fazer comprinhas inacreditáveis!

 

Depois, fomos a feira da Ladra, um mercado de rua popular onde se vendem alguns objetos  novos (azulejos e artesanatos) e usados (a grande maioria), que incluem antiguidades/velharias. Tal como os famosos mercados de Londres e Paris (Portobello e Marché aux Puces, por exemplo), esta feira de Lisboa oferece artigos novos e usados, desde máquinas fotográficas antigas a móveis usados, fotos e gravatas, relógios de bolso, discos de vinil e até móveis! O que eu achei?! Da feira não gostei muito, a não ser pelos azulejos portugueses (mas muitos ali são de origem duvidosa)! A parte que achei interessante foram os antiquários da rua lateral a ela! Esses sim valem a pena! Encontrei uma soleira do séc. XIX que era meu sonho!

 

Esse foi o antiquário que mais gostei e onde achei minha sopeira! Tinha muita coisa companhia das Índias, além de porcelanas antigas, lustres, espelhos e muito mais!

 

Askmi1

 

Askmi

 

Depois, fomos ao bairro do Chiado, que possuem lojas incríveis! Minhas preferidas: Sergent Major – amo essa marca francesa de roupa infantil, fofas e com valor bem acessível!; Quiosque das Bonecas – trata-se de uma marca espanhola que só vende bonecas, uma mais linda que a outra, feitas como antigamente!; Paris em Lisboa – localizada na principal rua do Chiado, a rua Garret – é uma perdição aos amantes de enxoval e itens para casa! Atenção as roupas de cama e toalhas de mesa feitas em linho, um sonho! Não deixem de ir também na: Casa das Vellas Loreto; Livraria Bertrand (considerada a mais famosa do mundo); doceria Alcoa; sorveteria Amorino; Café a Brasileira (desde 1905); Vista Alegre, Hermes (linda e enorme); André Ópticas (muitos óculos diferentes); Claus Porto (marca de perfumes e sabonetes); Eureka (sapatos) e a Vida Portuguesa!

 

Askmi3

 

Mais fotos da loja de enxoval que fomos, Paris em Lisboa.

 

Askmi5

 

A tardezinha fomos ao mercado da Ribeira, que é dos mercados mais tradicionais da cidade e um lugar imperdível para quem curte uma boa gastronomia portuguesa. Ele conta com mais de 30 espaços distribuídos entre: bares, pastelarias e restaurantes, sem contar com a assinatura de vários chefes famosos. Não deixem de pedir o delicioso pastel de nata na Manteigaria, para mim é mais gostoso que os conhecidos pastéis de Belém. A noite, os maridos vieram nos encontrar e finalizamos  nosso dia em um dos meus restaurantes preferidos de Lisboa: Solar dos Nunes!

 

Askmi4

 

Espero que tenham gostado das dicas! Beijos e até o próximo post! Mi

Fotos: Blog Ask Mi

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#antiquário#Blog AskMi#Chiado#cidade antiga#cidade charmosa#dicas#dicas de passeio#dicas de viagem#férias#Lisboa#lojas de enxoval#lojas em Portugal#Marina Xandó#museu#o que fazer#Portugal#riqueza histórica e cultural#travel#trip#vacation#viagem em família

Sexto dia em Portugal!

Sexto dia em Portugal!

Aiiii gente, está tão bom aqui que o tempo está voando! Nem acredito que já fazem 6 dias que estamos em Portugal! Quero ficar esse mês todo neste lugar! Bom, mas conforme prometido, segue mais um dia de nosso roteiro. Durante nossa estadia em Cascais, reservamos os 2 últimos dias para irmos a Lisboa! Neste primeiro dia a ideia era trazer as meninas e no segundo dia somente as mulheres para comprinhas, antiquários e Chiado! Começamos com a emblemática Torre de Belém! Depois, fomos ao museu das coches (carruagens) e, claro, passadinha ao Pastel de Belém!

 

Askmi4

 

Askmi5

 

As meninas amaram esse museu! Explicamos que Papas, reis e rainhas andavam nestas carruagens, mostramos o primeiro carro de Portugal! Vocês tinham que ver a carinha das 3 Marias! Depois, fomos almoçar no famoso “Solar dos Presuntos”, estava bem gostoso mas confesso que comi em restaurantes melhores aqui! Mas eu super indico!

 

Askmi2

 

Depois, nosso SUPER guia NUNO, reservou 2 tuc tucs para fazermos um passeio de 2 horas pelo centro histórico da cidade! Foi muitooooo bom e toda a família aproveitou! Conseguimos ir nos pontos mais altos de Lisboa, nos mais famosos e por aí vai! Amei muito!

 

Askmi1

Painel de flores lindos na Igreja de Santo Antônio, onde ele nasceu! Uma das mais lindas que conheço! Me arrepiei nessa e na primeira vez que fui!

 

Askmi7

Eu, Vivi e Victor no miradouro de N. S. do Monte – uma das vistas mais bonitas da cidade.

 

Estávamos cansados já! Então a ideia foi pular o Oceanário de Lisboa – considerado o maior do mundo! E fomos direto jantar no Laurentina, considerado o melhor bacalhau de Lisboa! Amei, amei , amei! Minha dica?! Peçam o bacalhau à Braz! Divino!

 

Askmi6

 

Importante:
1. O passeio de TUC TUC tem que fazer! Seja para adulto ou criança, somente assim você conhece direito Lisboa pois existem muitas ruelas e subidas!
2. Peçam para ir ao Chiado também, além do lado histórico da cidade!
Espero que tenham gostado! Ficamos exaustos mas muito felizes! Depois, de volta para Cascais para mais uma noite no Martinhal Family Resort!
Fotos: Blog AskMi
Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#Blog AskMi#Chiado#cidade antiga#cidade charmosa#dicas#dicas de viagem#férias#Lisboa#Marina Xandó#museu#o que fazer#Portugal#riqueza histórica e cultural#travel#trip#vacation#viagem em família