Por que você não deve utilizar qualquer sabonete no rosto?

Por que você não deve utilizar qualquer sabonete no rosto?

Você sabe o que é filme hidrolipídico? É a mistura entre lipídeos, cerâmicas e líquidos, que juntos formam uma camada de proteção na pele do nosso rosto, nos protegendo contra microrganismos e auxiliando na preservação da água da camada córnea, o que mantém a hidratação. A pele do rosto costuma ser mais sensível que a de outras regiões do corpo, por isso requer alguns cuidados quando falamos da sua limpeza.

 

 

A grande maioria não sabe, mas o sabonete comum, quando utilizado para limpeza do rosto pode deixá-lo desprotegido e até irritado. “Quando utilizamos o sabonete em barra comum – que normalmente possui fórmula um pouco mais agressiva – para a limpeza do nosso rosto, o filme hidrolipídico acaba ficando comprometido, o que deixa a pele mais sensível e desprotegida, podendo causar sensibilidade e até irritações”, explica a esteticista Ângela Coelho.

 

Segundo a esteticista, em peles oleosas, por exemplo, essa limpeza inadequada pode causar um efeito rebote e aumentar a produção de sedo, o que propicia o surgimento de acnes e a obstrução dos poros. Já nas peles secas, a perda da proteção deixa a pele ainda mais ressecada e pode levar ao aparecimento de linhas de expressão. Além disso, o PH da pele do nosso rosto é diferente do resto do corpo, o que faz com que precise de ainda mais cuidado.

 

A limpeza correta do nosso rosto faz com que a nossa pele se mantenha bonita e saudável. O primeiro passo para evitar esse tipo de problema é escolher o sabonete ideal para o seu tipo de pele, que vai atender adequadamente as suas necessidades. “Na dúvida sobre o seu tipo de pele e em quais produtos investir, invista em um sabonete com PH neutro – pode ser sabonete de bebê, que na embalagem esteja identificado como PH Neutro, PH 7 ou PH balanceado – , pois esse PH é compatível com a pele do rosto”, completa.

 

Além do sabonete, existem algumas dicas e produtos que vão auxiliar no cuidado com o rosto. Use tônicos e hidratantes, mesmo tendo a pele oleosa; todas precisam de hidratação. Evite colocar a mão no rosto, ela costuma estar cheia de micro-organismos que podem contaminar a pele. Procure produtos com fórmulas livres de parabenos, álcool e corantes. E lembre-se: a hidratação da pele ocorre principalmente de dentro para fora, então tomar água é essencial para que os cremes hidratantes façam o efeito de criar uma barreira na pele que impede a perda de água excessiva.

 

Sabonetes e os tipos de pele

Pele normal: É a pele equilibrada, então um sabonete suave com propriedades hidratantes é o suficiente. Ativos como Aloe Vera, Extrato de Calêndula, Extrato de Ginseng, Extrato de Maracujá e Argila branca são ótimos para esse tipo de pele.

Pele oleosa: É uma pele que possui um desequilíbrio na glândula sebácea e na glândula sudorípara, o que causa uma maior produção de óleo e de água. Apesar de oleosa, ela pode apresentar algumas zonas de ressecamento. Nessas áreas, o sabonete não deve ser usado, já que ele possui propriedades secativas. Produtos com ácido salicílico, erva doce, melaleuca, hamamelis e argila verde são boas opções e possuem ação sebo reguladora.

Pele seca: É uma pele que possui um desequilíbrio na glândula sebácea e na glândula sudorípara, e, diferente da pele oleosa, a seca tem pouca produção de óleo e de água. O ideal aqui é usar sabonetes que tenham ativos com propriedades hidratantes, como: Extrato de Aveia, Extrato de Melissa, Óleo de Framboesa e Argila amarela.

Pele Mista: Este tipo de pele possui regiões com maior produção de lipídeos (normalmente na zona T), e alterna regiões secas e normais. Sabonetes com ativos como Extrato de hortelã e extrato de alecrim são excelentes opções.

*Peles Masculinas: Os ativos são os mesmos, porém usados em concentrações diferentes, já que a pele dos homens geralmente tem maior produção de sebo e costuma ser mais resistente.

 

Auxilio texto: Bruna Bozza (bruna.bozza@reversacomunicacao.com.br) e esteticista Ângela Coelho.

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#cuidados#dicas#Marina Xandó#pele#sabonete

Dicas para planejar a viagem de férias de final do ano com economia de 30%!

Dicas para planejar a viagem de férias de final do ano com economia de 30%!

Faltam menos de 3 meses para o final do ano e muitos brasileiros já estão planejando as festas de natal e reveillon. Para quem quer viajar, comprar com antecedência é uma das principais dicas para conseguir passagens e pacotes mais baratos. O fim do ano é considerado alta temporada e, portanto, uma das épocas mais caras para viajar. Porém, com planejamento e ajuda da tecnologia é possível realizar uma viagem com ótimo custo-benefício.

 

Para economizar é preciso levar em conta, além da temporada, o destino e o deslocamento. De acordo com o buscador de passagens TurismoCity (www.turismocity.com.br), plataforma que reúne, compara e envia em primeira mão aos usuários voos disponíveis e passagens aéreas promocionais para diversos destinos, comprar com antecedência pode garantir uma boa economia.

 

“Para destinos nacionais, comprar com antecedência de aproximadamente 2 meses da data é uma maneira de encontrar passagens com preços mais baratos. Usar buscador de voos e personalizar alarmes de buscas também são dicas importantes para encontrar preços baixos. O TurismoCity, por exemplo, atua por meio de inteligência artificial e permite que os viajantes tenham uma economia de 30%”, explica comenta Paula Rebouças, country manager da empresa.

 

 

A especialista listou 3 dicas para quem está planejando uma viagem no final do ano. Confira:

Limpe os cookies do PC e troque de navegador

Quando estiver pesquisando uma passagem é possível notar que quanto mais procuramos, mais promoções, anúncios e até e-mail marketing começamos a receber. Isto acontece por conta dos cookies, arquivos temporários que ficam no computador a cada busca feita de passagem ou qualquer outra busca. Para conseguir passagens mais atrativas, uma dica é limpar estes arquivos do navegador antes das buscas. Outra opção é utilizar uma nova janela oculta do navegador, que mostrará uma busca inédita, sem levar em conta o seu histórico nas redes.

Utilize comparadores de preços

Preços no final do ano podem subir mais de 15%. Antes de comprar uma passagem, uma dica de economia é usar um buscador de voos para comparar os preços disponíveis no mercado.  O Turismocity, por exemplo, reúne, compara e envia em primeira mão aos usuários voos disponíveis e passagens aéreas promocionais para diversos destinos. Também ajuda os usuários a decidir quando e para onde viajar, além de criar alertas para um destino específico e faixa de preço. Usuários cadastrados no site recebem ainda as ofertas mais relevantes para o seu perfil em seu e-mail. Ao escolher a promoção, o usuário é direcionado para o site do parceiro onde realiza a compra diretamente.

Consulte as datas com antecedência

O ideal é sempre fazer uma pesquisa com base no seu destino. Por exemplo, viajar no verão para o nordeste é mais caro do que no inverno. Uma dica é verificar as possíveis datas que podem deixar as viagens mais baratas. Até mesmo em feriados prolongados, por exemplo, é possível encontrar boas opções se a consulta for feita antecipadamente. Essa pesquisa pode ser feita de um a dois meses antes da data prevista, para se certificar das oscilações dos valores na semana que está viajando e também o mês.

Auxilio texto: Paula Rebouças, country manager da TurismoCity / Mariah de Freitas – Agência NoAr (mariah@comuniquese1.com.br)

Imagem: https://www.conexaosegurosunimed.com.br

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#dicas#férias#final de ano#Marina Xandó#travel#TurismoCity#Viagem#viagens#viajar

Dica de etiqueta!

Dica de etiqueta!

Sabiam que a maneira adequada de segurarmos xícaras de café e de chá são diferentes?! Nesta primeira foto estou segurando a de chá! Reparem na posição dos dedos, especialmente o que dá apoio para a xícara! No segundo clique mostro a de café! Com relação ao pires: somente o segure nas mãos quando estiver em pé (em ambas as imagens eu estava), tentando colocar a mão toda embaixo dele! Mais uma dica bacana de etiqueta!! Espero que gostem!!!

 

 

 

Fotos: Marina Xandó

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#café#chá#como segurar xícara#etiqueta#Marina Xandó

Volta às aulas: aprenda a preparar uma lancheira saudável!

Volta às aulas: aprenda a preparar uma lancheira saudável!

Com as férias chegando ao fim, é hora de se preparar para o volta às aulas.  A lancheira escolar é sempre uma das preocupações dos pais. Com tantas opções industrializadas e tempo escasso, é um desafio montar uma lanche saudável. No entanto, por fazer parte da rotina dos pequenos, uma refeição completa e equilibrada fornece a energia necessária para o bom desenvolvimento das crianças. Pensando nisso, o Namu Cursos, plataforma de videoaulas voltada exclusivamente para o bem-estar, em parceria com a nutricionista Karin Paciulo oferece o curso online Lancheiras Infantis Saudáveis.

 

No curso, Karin ensina alimentos gostosos e saudáveis, com o objetivo de incentivar as crianças a fazer escolhas equilibradas desde pequenos. Entre as receitas estão versões saudáveis de bolos, pães, biscoitos e salgados assados. As frutas também são introduzidas nas lancheiras como alternativas aos doces industrializados. A nutricionista ainda dá dicas de como montar a lancheira, sugerindo as melhores combinações para que atendam todas as necessidades dos pequenos. “Para uma lancheira completa, que garanta todos os nutrientes, vitaminas e sais minerais essenciais para as crianças, é necessário ter uma fonte de carboidrato, de proteína e de micronutrientes”, explica ela.

 

E, por fim, ela incentiva os pais a convidar os filhos para participarem da preparação dos lanches. “Sempre que possível, inclua as crianças no preparo de alguns pratos mais simples. Além delas se divertirem enquanto aprendem sobre o valor dos alimentos naturais, esse momento de integração familiar pode ser importante para os adultos e para os pequenos”, explica.

 

Confira algumas opções de como montar a lancheira do seu filho com qualidade e aprenda uma receita, retirada do curso Lancheiras Infantis Saudáveis.

Opções de montagem da lancheira:

Opção 1: quatro cookies de cacau integral (que garante as fibras e o carboidrato), três ovos de codorna cozidos (que garante as proteínas) e uma banana (que garante os micronutrientes).

Opção 2: um bolinho de banana integral (que garante as fibras e o carboidrato), dois pedaços de chocolate amargo com amêndoas (a amêndoa fornece a gordura do bem e o cacau desperta o cérebro) e cenoura cortada em palito (que garante os micronutrientes).

Opção 3: dois omeletes assados de vegetais (fornece proteína e micronutrientes), quatro tomates sweet grape e dois espetos de frutas com chocolate 50% ou 70% cacau (garante as gorduras boas e o carboidrato).

 

E agora a receitinha do cookies integral:

 

 

Ingredientes

– 1 e 1/2 xícara de farinha de trigo integral

– 1 xícara de açúcar mascavo

– 3/4 de xícara de óleo de coco

– 1 xícara de farinha de aveia

– 1/4 de xícara de água

– 1 colher de chá de fermento químico

– 1 pitada de sal

– 1 colher de sopa de cacau em pó

– 3 colheres de chocolate 50% cacau

– 50g de chocolate em gotas

 

Modo de preparo

1. Despeje a farinha de aveia, a farinha de trigo integral, o açúcar mascavo, o cacau em pó, o chocolate 50% cacau, o óleo de coco e uma pitada de sal em uma vasilha e misture com uma espátula;

2. Coloque a água aos poucos e misture;

3. Despeje o fermento e misture a massa com as mãos;

4. Faça pequenas bolas com a massa e coloque na forma;

5. Achate levemente as bolinhas com uma colher e coloque as gotas de chocolate por cima;

6. Leve ao forno pré-aquecido em 180ºC por 25/30 minutos;

7. Quando o biscoito estiver com um aspecto “quebradinho” e mais seco, está na hora de retirar do forno;

7. Caso ainda esteja cru por dentro quando retirado do forno, volte a assar por mais alguns minutos.

 

Auxilio texto: Julia Cristina / julia@circularcomunicacao.com / Namu Cursos / nutricionista Karin Paciulo.

Imagem: Divulgação Namu Cursos

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#cookies#dicas#lancheira#Marina Xandó

5 cuidados que devemos ter com a nossa pele durante o inverno!

5 cuidados que devemos ter com a nossa pele durante o inverno!

O inverno chegou e, com ele, as s temperaturas começam a cair, o que faz com que a nossa pele fique ressecada e com a estrutura fragilizada. Segundo a esteticista Ângela Coelho, o primeiro passo para mantê-la bem cuidada é entender seu funcionamento e, aí sim, tentar amenizar os efeitos das baixas temperaturas. Para te ajudar nessa tarefa, a especialista destacou 5 cuidados que devemos ter com a nossa pele durante esse período.

 

 

Se alimente bem e pratique exercícios

 

Quem nunca ouviu essa dica, não é mesmo? Para manter o corpo aquecido durante essa época, nosso organismo acaba gastando mais energia e, por consequência, nós acabamos sentindo mais fome. O problema aqui, segundo a esteticista, é que acabamos optando por comidas muito calóricas – ricas em carboidratos e açúcares -, que causam a degradação do colágeno da pele, ocasionando assim o envelhecimento cutâneo precoce e contribuindo com a flacidez. Uma boa dica aqui, é substituir o chocolate ou achocolatado por cacau em pó (50% ou mais), que é antioxidante e ajuda na manutenção de uma pele saudável.

 

Beba bastante água!

 

A queda da umidade do ar e as baixas temperaturas fazem com que o corpo transpire menos. Com isso, acabamos sentimos menos sede, o que não quer dizer que não precisamos nos manter hidratados. Lembre-se de beber de 2 a 3 litros de água por dia. Consuma chás, sucos e sopas com ingredientes ricos em vitaminas e minerais para manter a pele saudável e hidratada.

 

Hidratação tópica

 

Primeiro é importante saber que se você não consumir água, nem o melhor hidratante do mundo vai trazer o resultado desejado. Os hidratantes atuam por osmose, isso significa que usam a própria água do seu corpo para manter a hidratação. Eles criam uma barreira na pele que evita a perda excessiva de água e, por fim, o ressecamento. A dica da esteticista aqui é apostar em hidratantes específicos para cada área do corpo (lembre-se dos lábios) e para o seu tipo específico de pele. Aposte em cremes que contenham antioxidantes, como a vitamina C, e fique de olho nas fórmulas. Substitua produtos que contenham óleos minerais por óleos vegetais, que tem uma maior compatibilidade com a pele e menor índice de irritabilidade. Invista em máscaras hidratantes e aproveite a época para realizar peelings, já que é um procedimento em que o paciente deve evitar o sol, e a renovação celular ocorre com mais qualidade.

 

Banhos quentes

 

A temperatura lá fora cai e automaticamente a temperatura do chuveiro aumenta. Evite tomar banhos muito quentes ou banhos demorados com muito sabão, pois isso contribui para a perda do manto hidrolipídico (hidratante natural produzido pelo organismo), deixando a pele desprotegida, o que facilita a penetração de bactérias, fungos, vírus, poluentes do ar e alérgenos como poeira e mofo, deixando a pele com a textura áspera.  Outro problema é que a água quente também estimula as glândulas sebáceas, aumentando a oleosidade no topo da cabeça e no rosto. Essa oleosidade em excesso pode causar dermatites, queda de cabelo e caspa. Tome banhos mornos e aproveite para hidratar a pele com óleos específicos. No pós-banho, com a pele limpa, é o momento ideal para aplicação dos hidratantes (facial e corporal), já que a absorção é mais eficaz.

 

Protetor solar

 

Apesar do clima frio, e da menor incidência dos raios ultravioletas tipo B – principais causadores de câncer de pele – o sol continua emitindo radiação, como o ultravioleta do tipo A, que possui alto poder de penetração e são capazes de danificar a pele, causando além de câncer, foto envelhecimento, manchas e a flacidez.  Além da luz solar, a luz artificial (tablets, Tvs, celulares, computadores etc.) também pode causar danos a pele, por isso o uso contínuo de protetor é imprescindível. Se sua pele for oleosa, opte por produtos oil free e toque seco, que possuem textura mais leve.

 

É recomendado o uso de 1gr de produto por aplicação (o que equivale a uma colherzinha de café), e pode ser aplicado em camadas. O retoque, durante o dia, pode ser feito com protetor em pó para evitar a aparência de “pele pesada”. Prefira produtos que contenham proteção mínima de FPS 30, que previnem não só futuros problemas como atua na preservação do colágeno e evita o surgimento de manchas com hiperpigmentação causadas pela incidência de raios UVA.

 

Essas são dicas simples, que ajudam a manter a pele bem cuidada. “A pele é o maior órgão do nosso corpo, e precisamos cuidar dela como cuidamos de todo o resto. Praticar exercícios, tentar manter uma alimentação equilibrada e boas noites de sono – além da hidratação e dos tratamentos adequados para cada situação -, manterão sua pela linda e saudável por muito mais tempo”, finaliza Ângela.

 

Auxilio texto: Bruna Bozza – Reversa Comunicação (bruna@reversacomunicacao.com.br) e Angela Coelho (esteticista)

Imagem: REVERSA COMUNICAÇÃO

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#cuidados#dicas#hidratação#inverno#Marina Xandó#pele