AROMATERAPIA: LAVANDA AUXILIA NA REDUÇÃO DO ESTRESSE!

AROMATERAPIA: LAVANDA AUXILIA NA REDUÇÃO DO ESTRESSE!

Responsável por ativar memórias, alguns aromas também têm o poder de mexer com as nossas emoções, afinal a resposta olfativa está diretamente ligada ao centro emocional do cérebro, desencadeando uma variedade de sensações ao nosso corpo.

Considerado uma porta de entrada, ao sentir determinados cheiros, o nariz envia automaticamente informações para o bulbo-olfatório, que as transmite ao sistema límbico, responsável por emoções e comportamentos.

Nesse contexto, um odor que se destaca no quesito de proporcionar sensações está o óleo de lavanda. “Ele é extremamente delicado e não irrita a pele. Sem contar que apresenta propriedades calmantes e relaxantes. Por isso, despejar o óleo de lavanda em um difusor junto a um pouco de água é uma ótima opção para quem busca momentos de bem-estar. Além disso, é muito útil para massagens, graças a sua ação que diminui a tensão muscular”, comenta Bruna Souza, Coordenadora de Produtos da Mahogany.

Uma pesquisa realizada pela Universidade de São Paulo (USP) com 36 estudantes, em idades entre 18 e 29 anos, constatou a eficácia dos aromas na diminuição dos níveis de estresse. Do total de alunos, metade realizou o tratamento com o odor de lavanda, enquanto a outra metade não. Com isso, notou-se que no primeiro grupo houve uma redução de, aproximadamente, 24% em relação ao estresse e 19% no que diz respeito a ansiedade. Já no segundo, houve redução somente do nível de estresse, o equivalente a 11%.

Além de todos esses benefícios, a lavanda auxilia ainda nos cuidados com o distúrbio do sono, já que atenua a sensação de agitação, e no alívio dos sintomas da TPM e menstruais.

Especializada em produzir e comercializar cosméticos de alto padrão, a Mahogany, possui uma linha totalmente inspirada no cheiro e frescor da lavanda. Conheça alguns produtos exclusivos da marca:
Lavanda & Algodão Fragrância Desodorante Corporal 100 ml
O romantismo e a suavidade da lavanda unem-se à delicadeza do algodão nessa criação que exala uma inexplicável sensação de serenidade e conforto.
Caminho Olfativo: Floral Aromático
Perfil da Essência: Lavanda
Lavanda & Algodão Hidratante Desodorante Corporal 350 ml
Possui uma fórmula de fácil absorção e de textura finíssima. Com extratos de lavanda e algodão, promove hidratação, nutrição, suavidade e maciez a pele, além de deliciosa perfumação relaxante e suave ação desodorante.
Lavanda & Algodão Óleo para Banho Desodorante Corporal 240 ml
Com textura finíssima e solúvel em água, é um excelente auxiliar no combate ao ressecamento da pele ajudando a repor sua hidratação natural. Deixa a pele macia, sedosa e com elasticidade.

Sobre a Mahogany

Uma das principais empresas do mercado que, desde 1991, produz cosméticos de alto padrão desenvolvidos junto com as principais casas de fragrâncias internacionais. Em seu amplo portfólio, que conta com mais de 50 fragrâncias masculinas e femininas, é possível encontrar o produto certo para todos os momentos. A marca exalta a essência da liberdade, paixão, aventura e, principalmente, da vitalidade. Por meio de seus itens, busca proporcionar experiências sensoriais que revigoram e transmitem a sensação do “verdadeiramente vivo”, melhorando o estado de espírito e a certeza de que sempre é possível despertar a sua melhor versão.

Atualmente, seus produtos podem ser encontrados em unidades da marca no Brasil e na loja de Santiago, no Chile, além do e-commerce e também por meio de consultoras de venda direta.

Para saber mais, acesse: www.mahogany.com.br
Auxilio texto: Viviane Bomfim (viviane.bomfim@dezoitocom.com.br)
Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#alívio dos sintomas da TPM#AROMATERAPIA#distúrbio do sono#estresse#lavanda#mahogany#REDUÇÃO

Estresse causado pela pandemia está envelhecendo as pessoas mais rápido!

Estresse causado pela pandemia está envelhecendo as pessoas mais rápido!

Uma pesquisa conduzida por psicólogos e psiquiatras em Nova York, Texas e no Canadá avaliou o impacto da pandemia do novo coronavírus e o isolamento social na saúde mental de mais de 6,8 mil pessoas. O estudo aponta que 28% relatam ansiedade elevada e 22% apresentam sintomas depressivos significativos causados pelo estresse.

O estresse quando se torna crônico, além de aumentar o risco de problemas cardiovasculares, como hipertensão e infarto, e afetar o sistema imunológico, também traz efeitos negativos na pele. De acordo com um estudo publicado na revista científica Inflamm Allergy – Drugs Targets, a liberação crônica de cortisol, o hormônio do estresse, causa atrofia cutânea, diminuição do número de fibroblastos, colágeno e elastina e também está associado ao aparecimento de rugas.

A cirurgiã plástica que atua na área de rejuvenescimento facial, Ana Carolina Chociai, explica que os fibroblastos são as células responsáveis pela síntese de colágeno, proteína que confere elasticidade aos tecidos.

“A diminuição de fibroblastos e do colágeno também reduz a resistência, não só da pele, mas também dos demais tecidos que se tornam flácidos”, explica a médica Ana Carolina Chociai. Segundo ela, as pálpebras são as áreas mais afetadas do rosto, devido a sua anatomia, já que a pele mais fina do corpo está na pálpebra.

 

Simulação de envelhecimento e flacidez facial – Crédito: Divulgação

ESTRESSE – Picos de estresse podem ser o gatilho para o surgimento ou agravamento de problemas como a dermatite atópica, psoríase, urticária, vitiligo, acne e até mesmo enfraquecimento e queda de cabelo.

No cabelo, por exemplo, o cortisol em excesso promove a vasoconstrição das raízes, encurtando a fase de crescimento capilar devido a falta de sangue e nutrientes para os fios, um processo conhecido como eflúvio telógeno. É em picos de estresse que também ocorrem danos permanentes às células produtoras de melanina (pigmento do cabelo) e a perda da cor dos cabelos pode ser permanente, segundo pesquisa conduzida em Harvard e publicada na edição de janeiro na Nature.

“Neste momento, trabalhamos em equipe para a manutenção integrada da saúde do paciente. No caso dos cabelos, o primeiro passo quando se verifica a queda de cabelo é marcar uma consulta com o médico dermatologista que fará a tricoscopia e o diagnóstico, já que muitas doenças podem resultar na queda dos fios”, comenta Chociai.

PREVENÇÃO – Com o avanço da tecnologia e da medicina voltada à beleza, hoje é possível buscar tratamentos para prevenir o envelhecimento e buscar o rejuvenescimento com aspecto natural. Dentre os procedimentos utilizados com esse objetivo existem as já conhecidas aplicações de ácido hialurônico, bioestimuladores de colágeno e também tecnologias novas como os laseres de ultra performance.

Segundo a médica Ana Carolina Chociai, o ideal é durante uma consulta é realizar uma avaliação minunciosa de todas as camadas da face, desde a estrutura óssea até a pele. “Atualmente temos várias opções de tratamento de rejuvenescimento e mesmo estratégias pré-envelhecimento, chamadas de beautification ou positive aging. A indicação depende de cada caso e dependerá da avaliação médica”, completa.

 

Auxilio texto: Fernando Garcel (fernando@comunicore.com.br) / Dra. Ana Carolina Chociai – Cirurgiã plástica

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#envelhecimento#estresse#prevenção