5 motivos para visitar a CASACOR Rio!

5 motivos para visitar a CASACOR Rio!

A Residência Brando Barbosa está novamente de portas abertas ao público com a segunda edição consecutiva da CASACOR Rio. E não faltam motivos para visitar a mostra, que reúne 43 equipes de profissionais entre arquitetos, designers de interiores e paisagistas. São 45 ambientes — 22 deles localizados dentro da casa principal e 23 externos, que reúnem complexo gastronômico, áreas comerciais e a Vila CASACOR, uma das novidades do ano. Tudo isso numa propriedade belíssima com mais de 12 mil m² de área, cercada de verde, ao lado do Jardim Botânico.

 

 

Um novo olhar. Realizada pelo segundo ano consecutivo no mesmo endereço, a Residência Brando Barbosa, a CASACOR Rio traz nesta 31ª. edição um olhar muito mais contemporâneo para o icônico imóvel. Se no ano passado, os ares palacianos da propriedade foram o destaque, em 2022, surge uma mostra com uma proposta completamente diferente. A casa é apresentada como um instituto cultural, um lugar voltado para as artes, os encontros e sempre de portas abertas para a cidade e seus moradores. Prepare-se para ver ambientes como o Estar do Pátio, de Maurício Nóbrega – pensando como um ambiente de encontros); a Sala DA Música, de Tiago Freire ou o Espaço Soul, de Rodrigo Barbosa – uma espécie de sala de projeção.

 

Maurício Nóbrega – Estar do Pátio.

 

Arte no Metaverso. Sempre muito presente nos ambientes da mostra carioca, este ano as artes plásticas são verdadeiramente um espetáculo à parte. No BamˈBo͞o Bar, de Gisele Taranto, ela aparece de diferentes maneiras: a piscina da casa foi transformada em instalação por Maritza Caneca, e terá hologramas em seu entorno. Pelo bambuzal, será possível ver obras em realidade aumentada acessíveis via QR Codes; e há até uma exposição virtual de arte generativa disponível apenas numa galeria criada no Metaverso. O espaço conta ainda com a exposição Olhar 2022, que reúne obras de Carlos Vergara e de jovens da periferia selecionados pelo artista. E há ainda muito mais a se ver por lá, como a obra Biblioteca, de Nelson Leirner, que está na Sala DA Música; e o espaço EXPO, de Cristiana e Mariana Mascarenhas, que faz uma homenagem a Rubem Gerchman e traz obras de artistas de diferentes gerações. Um mix ousado e instigante.

 

Gisele Taranto Arquitetura – BamˈBo͞o Bar

 

Vila CASACOR. Com estúdios entre 28m² e 80m², a Vila CASACOR ocupa parte dos jardins da casa com uma nova proposta: a de receber artistas residentes em espaços criados em módulos metálicos com tratamento termoacústico. As construções, rápidas, limpas e sustentáveis, podem ser desmontadas – o que de fato vai acontecer após a mostra — e remontadas com o mesmo formato em outro terreno. E, cada uma, traz a personalidade de seus criadores. São sete ao todo: quatro “residenciais”, uma loja, além do SPA DECA e do Pavilhão 22.

 

Diego Raposo e Manuela Simas – SPA DECA.

 

Gastronomia. Além dos drinques do BamˈBo͞o Bar, haverá, pela primeira vez, um complexo gastronômico na CASACOR Rio: o Espaço Figueira, ambientado por Erick Figueira de Melo. Com restaurante, bar de vinhos, salad bar e pizzaria, o complexo será operado pelo Cooking Buffet, de Adriana Mattar e Ana Cecília Gros e promete muitas novidades.

 

Erick Figueira de Mello – Espaço Figueira.

 

Os jardins. Vizinha a outras joias naturais do Rio, como o Jardim Botânico e o Parque Lage, a Residência Brando Barbosa tem quase 12 mil metros quadrados de área verde a céu aberto. Uma verdadeira pocket forest que ficou ainda mais encantadora com o trabalho realizado pelas sete equipes de paisagistas que trabalharam lado a lado com arquitetos para deixar o espaço ainda mais exuberante. Sempre respeitando a flora local, predominantemente de Mata Atlântica, mas incorporando poucas espécies exóticas que ajudam a dar colorido e ainda mais vida aos jardins.

 

Anna Luiza Rothier – Muito Além do Jardim.

 

A CASACOR Rio fica aberta até 26 de junho na Residência Brando Barbosa. Assim como no ano passado, a mostra é híbrida, com uma versão presencial e uma versão digital, com tours 3D disponíveis no site.

Fotos: André Nazareth

 

SERVIÇO – CASACOR RIO 2022

Período: de 27 de abril a 26 de junho de 2022

Horário: de terça a sexta, das 12h às 21h; sábados, domingos e feriados, 10h às 21h

Local: Rua Lopes Quintas, 497. Jardim Botânico.

Tel: (21) 2512-2411

Mais informações e tour virtual

Instagram/casacorrio_oficial

 

FONTE: Angela Falcão (angelafalcao@angelafalcao.com.br

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#Anna Luiza Rothier#arquitetura#bar de vinhos#CASACOR RIO#decor#Decoração#dicas#Diego Raposo e Manuela Simas#Erick Figueira de Mello#Gisele Taranto Arquitetura#Maurício Nóbrega#pocket forest#restaurante#RIO DE JANEIRO#salad bar e pizzaria

Dica de receita!

Dica de receita!

A Barilla, líder mundial na produção de massas, acredita que é possível criar receitas inusitadas e deliciosas com todos os cortes de massa. Por isso, une paixões brasileiras em seu saboroso Linguine com creme de cebola caramelizada, carne seca desfiada e banana da terra!

Preparado com Linguine Barilla, o prato entrega o equilíbrio perfeito entre o salgado da carne seca, o adocicado do creme de cebola caramelizada e a brasilidade da mandioca e da banana da terra!

 

 

Rendimento: 6 porções | Tempo de preparo: 45 min | Dificuldade: Casual

Ingredientes:

500g de Linguine Barilla
2 cebolas laminadas
400g de carne seca
1 banana da terra
200g de mandioca
50g de manteiga de garrafa (ou a manteiga tradicional)
Ervas frescas picadas à gosto
Sal e pimenta do reino preta

Modo de Preparo:

• Colocar a carne seca picada em pedaços de molho na água para dessalgar. Depois cozinhar até ficar no ponto de desfiar e reservar.

• Cozinhar a mandioca na água com sal até ficar bem macia e fácil de amassar com o garfo. Reservar.

• Cortar a banana da terra em fatias e dourar na manteiga de garrafa. Reservar.

• Em uma frigideira em uma frigideira, colocar uma colher de manteiga e acrescentar as cebolas. Cozinhar em fogo baixo mexendo a cada 5 minutos até a cebola reduzir de tamanho e ganhar uma cor caramelizada. Acrescentar a mandioca amassada e um pouco de água até forma um creme.

• Cozinhar a massa em abundante água fervente. Escorrer dois minutos antes do tempo indicado na embalagem de modo que fique “al dente”.

• Em uma frigideira antiaderente grande, dourar rapidamente a carne seca desfiada. Juntar a massa al dente, e uma ou duas conchas da água da cocção para finalizar seu cozimento. Mexer bem pelos dois minutos faltantes.

• Apresentar em um prato fundo. Começar com a base de creme de cebola com mandioca, em seguida colocar a massa finalizada na carne seca e decorar com as bananas fritas e as ervas frescas.

 

Fonte: rodrigues@4influence.com.br

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#carne seca desfiada e banana da terra#dicas#Linguine Barilla#Linguine com creme de cebola caramelizada#massa#receita

Dicas de restaures em Paris!

Dicas de restaures em Paris!

Demorou, masss chegou o post sobre dicas de restaures em Paris!

Anotem porque não me restringi apenas aos da moda ou mais instagramáveis, porém pedi dicas para quem mora lá e realmente entende do assunto! Confiram:

 

 

 

 

1. Giraffe (vale pela vista linda para torre);

2. Loulou (massa com pistache e pesto é de morrer e pizza trufada tb);

3. L’Avenue (pelo público e sobremesa pois a comida está nota 8);

4. Fontaine de Mars (legítima comida francesa);

5. Les Arlots (comida dos deuses);

6. Freddy’s em St Germain (zero turista e só local);

7. CoCo (se vc estiver próximo a Ópera);

8. Septime (uma estrela Michelin);

9. Alcazar (bonito, grande, música legal);

10. Clamato (frutos do mar);

11. Le Voltaire (tem o restaurante e também o café);

12. Le Café Lapérouse (dentro do museu que amei – Hotel de lá Marine. Prefiro almoço do que jantar);

13. Creperia Breizh café (tido como melhor crepe);

14. Le Stresa: pequeno e divino. PLUS: não deixe de almoçar no último andar masculino da loja Printemps (pela vista) ou no andar de gastronomia da Galeries Lafayette Gourmet!

 

Fotos: Blog Ask Mi

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#dicas#onde comer#Paris#Restaurantes

5 Dicas para manter uma casa aconchegante durante o Verão!

5 Dicas para manter uma casa aconchegante durante o Verão!

Com as altas temperaturas do Verão, edredons, mantas e tudo que se utiliza nos dias mais frios do ano, passam a ser substituídos por itens que deixem os ambientes mais arejados e confortáveis para o período. Adaptar a decoração de casa, deixando-a com a energia necessária à estação é uma tarefa simples e faz toda diferença aos cômodos do lar.

Pensando nisso, Camila Shammah, gerente de produtos da Camesa, marca especializada em artigos para cama, mesa, banho e decoração, selecionou algumas dicas para auxiliar a deixar o lar mais colorido, arejado e descontraído. Confira:

 

 

Cores claras

Simples transformações podem gerar mudanças significativas nos espaços de uma casa. A especialista comenta que a utilização peças em cores claras, como tons de azul, branco, bege e nuances pasteis, imprimem instantaneamente uma atmosfera mais leve, trazendo para dentro dos ambientes toques de decoração que remetem à vida na praia ou no campo.

Protetor de colchão

Para evitar o suor durante a temporada de Verão, a dica da gerente é colocar um protetor de colchão antes da roupa de cama, que evita a passagem da umidade gerada pela transpiração , conservando assim a qualidade dos colchões.

Roupa de cama com tecidos frescos

A estação é bem conhecida por suas noites quentes. Sendo assim, para evitar desconfortos na hora de dormir, vale utilizar uma roupa de cama com lençóis e fronhas confeccionados com materiais mais leves, como algodão, cetim, percal e linho, que, por serem mais frios, também permitem uma respiração melhor e sensação contínua de frescor durante o sono.

Iluminação natural

De acordo com Camila, nesta época do ano, cortinas e janelas devem permanecer abertas o máximo de tempo possível, permitindo a circulação do ar e a entrada de iluminação natural do sol, necessários para deixar os ambientes devidamente arejados e livres de mofo.

Roupas de banho

Assim como qualquer outro cômodo da casa, o banheiro também precisa ter sua decoração renovada. “Para isso, invista em toalhas de algodão, que devido a sua maciez, suavidade, absorção e durabilidade, são indispensáveis nesse período”, finaliza.

 

Fonte: Camila Shammah, gerente de produtos da Camesa / Isabella Córdoba (isabella.cordoba@dezoitocom.com.br)

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#casa aconchegante durante o Verão#Cores claras#decor#decora#Decoração#dicas#Iluminação natural#verão

Voo cancelado durante a pandemia?

Voo cancelado durante a pandemia?

Com restrições específicas em cada país do globo, viajar durante a pandemia se tornou uma tarefa mais desafiadora do que o esperado para muitos turistas.

 

 

Por conta do recente aumento nos casos de Covid-19, muitos voos têm sido alterados, remarcados e até mesmo cancelados pelas companhias aéreas. Em alguns casos, são os próprios passageiros que precisam cancelar suas viagens, seja porque estão com sintomas do vírus ou mesmo porque estão receosos de viajar nesse período.

A advogada Beatriz Raposo de Medeiros Tavares Martins, especialista em Direito do Consumidor do escritório Duarte Moral, relata que ao comprar passagens aéreas, sobretudo nesse momento de pandemia, os passageiros devem ficar atentos às taxas de cancelamento e remarcação. “Caso um passageiro seja infectado pela Covid-19 e tenha que cancelar a sua viagem, terá que pagar as taxas de remarcação e diferenças de tarifa. Portanto, fique atento para não ser surpreendido em caso de um imprevisto”, pontua.

Além disso, o passageiro deve se atentar não só às regras da companhia aérea, mas também do país de destino no que diz respeito à necessidade de estar vacinado e eventual prazo de antecedência para realização do teste de Covid-19. Caso contrário, turistas podem ser surpreendidos com a impossibilidade de embarcar.

Beatriz explica que caso o passageiro desista da viagem por qualquer motivo, pode ser solicitado reembolso ou crédito futuro para compra de nova passagem. “O reembolso, no entanto, poderá ser feito pela companhia aérea em até 12 meses e está sujeito à cobrança de penalidades contratuais (taxas de cancelamento/remarcação). No caso de o passageiro optar por solicitar o crédito para uso futuro em até 18 meses, não haverá qualquer penalidade contratual”.

Em caso de cancelamento por parte da companhia aérea, o passageiro poderá solicitar o reembolso do valor pago, que poderá ser restituído pela companhia aérea em um prazo de até 12 meses e deverá ser integral. Neste cenário, o consumidor também poderá solicitar o crédito para uso futuro, utilizando o crédito para comprar outra passagem aérea em até 18 meses.

Na maioria dos casos, como alternativa ao reembolso, a companhia aérea dá opções de reacomodação do passageiro em outro voo ou a remarcação da passagem aérea, sem ônus e mantidas as condições aplicáveis ao serviço contratado.

A advogada relata quais são os passos a serem tomados ao ser surpreendido com o cancelamento de um voo. “A primeira ação que deve ser adotada é acessar os canais de atendimento da própria empresa aérea. Se não conseguir uma solução satisfatória, busque o canal de reclamação da ANAC – Agência Nacional de Aviação Civil. Se ainda assim não houver resposta ou solução para o problema, o passageiro deve procurar um advogado para lhe auxiliar judicialmente”, finaliza.

Sobre Beatriz Raposo de Medeiros Tavares Martins

A advogada, atuante há seis anos nas áreas de direito do consumidor e direito médico, pós-graduada em direito civil, já fez parte da equipe de grandes escritórios, dentre eles atuou por cinco anos junto ao jurídico do renomado Demarest.

 

Fonte: Carolina Lara (carolina@carolinalara.com.br)

Imagem: https://www.jornalcontabil.com.br/saiba-o-que-fazer-em-caso-de-voo-cancelado-durante-a-pandemia/

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#dicas#Direito do Consumidor#passagens aéreas#restrições específicas#viajar durante a pandemia#Voo cancelado durante a pandemia