Receitinha do dia!

Receitinha do dia!

A Vivi adora receber as amiguinhas em casa para brincar! Sempre preparamos algo para servir e quero compartilhar essa receita deliciosa e fácil com vocês, que recebi de sugestão da NESTLÉ®, confiram:

 

Sanduíche de Verão

 

 

Ingredientes

2 xícaras (chá) de ricota amassada

1 pote de Iogurte NESTLÉ® Natural Integral

100 g de peito de peru defumado picado

2 colheres (sopa) de salsa

meia colher (chá) de sal

10 fatias de pão de forma integral (para a Vivi uso sem glúten)

1 cenoura média ralada

1 xícara (chá) de agrião

Modo de preparo

Em um recipiente, misture a ricota com o Iogurte NESTLÉ, o peito de peru, a salsa e o sal.

Espalhe essa pasta em 5 fatias de pão integral, distribua a cenoura e o agrião.

Feche os sanduíches com as fatias de pão restantes e sirva a seguir.
Fonte: Hellen Gomes da Silva (hellen.silva@fsb.com.br)
Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#receita#Sanduíche de Verão

3 cuidados essenciais ao planejar um banheiro p/ crianças!

3 cuidados essenciais ao planejar um banheiro p/ crianças!

Um banheiro utilizado por crianças precisa ter elementos que sejam atrativos para elas, proporcionem segurança, funcionalidade, praticidade e espaço para uma boa circulação. Além disso, o cômodo precisa ser aconchegante, permitindo que a hora do banho seja relaxante para os pequenos e que os momentos por ali sejam seguros e divertidos. Jéssica Nunes, arquiteta parceira da Ideia Glass, empresa especializada em kits de ferragens para box de banho e portas de vidro divisórias de ambientes, lista os principais pontos que devem ser levados em consideração ao projetar o ambiente.

 

 

SEGURANÇA EM PRIMEIRO LUGAR!

Em um cômodo que será utilizado constantemente por uma criança, todo cuidado é pouco! “Evitar o uso de muitos espelhos, vidros e peças pontiagudas no local, é essencial para impedir possíveis acidentes, assim como investir em tapetinhos dentro e fora da área de banho, travas e protetores, facilmente encontrados hoje no mercado”, conta a profissional.

Outro ponto muito importante que requer atenção é o momento da escolha do box de banho, como a maioria é de vidro, a ideia é se atentar as especificações necessárias na hora da instalação. “É preciso ficar sempre de olho no estado da peça, verificar se há rachaduras ou trincas, realizar a manutenção periódica e nunca deixar uma criança sozinha no espaço de banho. Além disso, é essencial utilizar um modelo de vidro temperado, com espessura de 8 milímetros, que em caso de quebra, evitará que o material se estilhasse em pedaços pontiagudos; indico também colocar uma película protetora no vidro, que segurará os cacos na superfície em caso de acidentes”, recomenda.

 

O VISUAL TAMBÉM É IMPORTANTE

Segundo a arquiteta, a decoração clean e atemporal auxilia na sensação de relaxamento e bem-estar; o que é importante para as crianças, já que a hora do banho muitas vezes serve para acalmar os pequenos e prepará-los para dormir, mas claro, compor o cômodo com cores atrativas aos olhos deles também é uma ótima opção.

“Um banheiro com cores claras e poucas informações sempre traz uma sensação de conforto. Em ambientes divididos com criança, esse toque na decoração é ainda mais importante, já que geralmente o cômodo utilizado por elas possui objetos coloridos e brinquedos pelo espaço. É uma forma de manter o equilibro no local e garantir um visual mais harmônico e sem aquela aparência bagunçada, mas claro, pode trazer toques de cores que atraiam os pequenos. Seja no revestimento, nos detalhes do box ou até mesmo nas toalhas de banho e de rosto, não tenha medo das cores”, recomenda Jéssica.

 

PRATICIDADE, ORGANIZAÇÃO E OTIMIZAÇÃO

Esses são três fatores que caminham juntos. De acordo com a arquiteta, um ambiente que será utilizado por crianças pede elementos práticos. “É legal investir em prateleiras e nichos que deixem os objetos à vista e acessíveis, como shampoos, sabonetes e outros itens de higiene”, sugere.

Quando o assunto é organização, manter o banheiro sempre em ordem é essencial para um ambiente funcional e garantir a agilidade e eficiências das demandas com as crianças. “Uma boa dica é utilizar caixas organizadoras em gavetas e armários para facilitar o armazenamento dos itens que costumam ficar no banheiro. Outra dica é categorizar esses organizadores, assim as próprias crianças saberão onde precisam guardar os produtos depois do uso. Apostando nos nichos, prateleiras e itens organizadores, outro fator muito importante conquistado é a otimização de espaço, essencial principalmente em banheiros pequenos”, recomenda a arquiteta.

 

INVESTINDO EM PRODUTOS DE QUALIDADE

Se tratando de casas com crianças, o indicado, segundo a arquiteta, é sempre optar por modelos de box de banho apropriados para o espaço. “Em banheiros pequenos, invista naqueles com design de portas flexíveis ou que abrem 180º. Esses modelos garantem uma melhor movimentação, tendo em vista que os pequenos sempre estarão acompanhados de um adulto”, diz.

 

Fonte: Karina de Oliveira Mendonça (karina.mendonca@bcbiz.com.br)

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#banheiro para crianças#cuidados essenciais#decoração clean#segurança

Economia em casa!

Economia em casa!

Para ter uma boa saúde financeira e viver com mais tranquilidade durante o mês, você precisa adotar bons hábitos de consumo. Afinal, saber administrar o gasto da sua renda faz toda a diferença para manter as contas em dia.

Mas, diante do aumento da inflação, do preço do dólar sem previsão de queda e das mudanças climáticas, que afetam as plantações do país com secas no Sul e chuvas intensas no Sudeste, os produtos de necessidade básica acabam sofrendo um aumento. Então como conseguir economizar em casa?

Essa pergunta se tornou constante na mente de muitas pessoas que veem seu orçamento diminuindo para as despesas domésticas. Às vezes, a situação chega a um ponto em que mudanças de hábitos precisam ser adotadas o quanto antes.

Contudo, mesmo que as suas finanças estejam relativamente estáveis, aprender a economizar facilita a criação e a manutenção de uma reserva financeira. Além disso, a melhora da gestão do seu dinheiro faz com que você tenha recursos para aproveitar boas oportunidades de investimento.

E, claro que, alguns hábitos simples, mas muito efetivos podem te ajudar a conseguir economizar no dia a dia. Confira abaixo 5 maneiras de fazer o seu dinheiro render mais na hora de pagar as contas:

 

 

1. Faça uma lista para o supermercado

Não há a menor dúvida de que a alimentação ocupa o topo dos gastos mensais de qualquer família brasileira. Agora, pense rápido e seja sincero: quantas vezes você já saiu de um supermercado com aquela sensação de que gastou mais do que deveria?

Além de frustrante, esse tipo de coisa afeta até nossa saúde mental. Em outras palavras: não faz bem em nenhum aspecto. Para evitar tudo isso, sempre vá ao supermercado com uma lista do que precisa comprar — seja em papel, seja no bloco de notas do próprio celular.

Em algum momento, você ouvirá uma voz interior falando algo do tipo “ah, vou aproveitar que estou aqui para levar isso e aquilo também”. Por essas e outras, reserve um tempo suficiente para criar uma lista de compras que seja a mais completa possível.

A partir de uma primeira lista detalhada, as próximas serão mais simples. O cuidado é básico, mas muito eficaz para não levar nada em excesso. No pior dos casos, você reduz o tamanho da compra de maneira significativa a cada nova ida ao supermercado. E caso decida colocar qualquer item diferente no carrinho, reflita sobre isso por alguns minutos.

2. Aproveite promoções

Promoções sempre são bem-vindas, não é? Tenha cautela apenas para evitar aquelas compras impulsivas. Muitas vezes, levamos alguns itens só devido a um desconto tentador. Ao chegar em casa, nem lembramos o porquê fizemos isso.

Com a lista em mãos, saiba desfrutar de boas ofertas em momentos que sejam realmente oportunos para você. Se há dinheiro guardado para aproveitar certas promoções e elas fazem sentido, ok. O ponto é respeitar seu orçamento, mantendo uma boa distância do limite.

Geralmente, as promoções que costumam ser atrativas são as praticadas por algumas feiras livres ou hortifrútis. Tome cuidado, entretanto, com o risco de desperdício, já que são alimentos perecíveis.

3. Revise e renegocie seus planos de assinaturas

Aqui, temos mais uma grande chance de fazer uma profunda economia nos gastos domésticos. Sim, sabemos que, normalmente, entrar em contato com as centrais de atendimento de operadoras de telefonia e internet pode ser estressante. De qualquer forma, vale o esforço.

Contudo, antes de mais nada, revise seus planos contratados atentamente, a fim de confirmar se, no fim das contas, eles são exagerados nas atuais circunstâncias. Se você utiliza algum plano pós-pago, por exemplo, existem versões mais em conta, geralmente denominadas “controle”.

Quanto à internet, o que acontece algumas vezes é que, anos atrás, contratamos um pacote bem vantajoso para os padrões da época. Com o tempo, o plano sofreu pequenos reajustes que, acumulados, geraram um aumento que simplesmente passou despercebido.

Também é possível que, antes, você não se importasse tanto assim com essa adequação de preços. Se a realidade financeira mudou significativamente de lá para cá, nada mais natural do que rever a porcentagem do seu orçamento destinada a esses serviços.

Além de tudo isso, conforme seu tempo como cliente da empresa, você ainda tem a oportunidade de manter o plano, mas com um megadesconto. A depender de cada oferta, o período de abatimento do preço padrão pode chegar a três ou seis meses.

Até lá, você usufrui normalmente do serviço e consegue pensar no que fazer no momento mais oportuno. Só fique atento a possíveis renovações de fidelização e práticas parecidas.

4. Encontre lâmpadas econômicas

Já faz algum tempo que o ramo de lâmpadas residenciais comercializadas no Brasil passou por uma grande transformação. O resultado é que, hoje em dia, é possível encontrar opções mais econômicas e que, simultaneamente, promovem o consumo consciente de energia elétrica.

No quesito economia, as lâmpadas de LED ficam em vantagem se comparadas à segunda opção, que seria a fluorescente. Isso porque elas podem gerar uma economia de até 85% na sua conta de luz. Já pensou nisso?

Portanto, vale muito a pena colocar a substituição de todas as lâmpadas da sua residência pelo modelo LED. Embora costumem ser um pouco mais caras, os benefícios a médio e longo prazos são recompensadores.

Esse tipo de lâmpada dura mais do que as outras. O detalhe é benéfico para quem compra, já que não terá uma troca tão cedo, e também para o meio ambiente.

Afinal, produtos com melhor desempenho e durabilidade se traduzem em menos descarte na natureza. Soma-se a isso o fato de que a maior parte estrutural das LEDs é reciclável.

5. Tenha um orçamento bem definido

Ao longo deste post, você notou que mencionamos os cuidados relativos ao orçamento com determinada frequência. A razão para tal é que o cumprimento de nossas orientações estão intimamente ligadas ao quanto você tem, de fato, para gastar ao longo dos meses.

Nesse sentido, o ideal mesmo é projetar o montante que deve ser desembolsado já no próximo período. Para evitar equívocos e surpresas desagradáveis, certifique-se de alinhar a saída com a entrada de recursos prevista para o mesmo intervalo.

Em resumo, essa é a melhor solução para que você não gaste mais do que recebe. Além disso, propicia uma visão de longo prazo, essencial para planejar viagens ou, inclusive, conseguir o dinheiro inicial para abrir seu negócio.

O ponto em questão está em ter uma noção melhor do valor do dinheiro que recebemos. Desse modo, conseguimos planejar melhor o seu uso no decorrer dos meses e anos que vem por aí.

Ao aplicar todas essas dicas sobre como economizar em casa, você será capaz de ter uma vida financeira muito mais equilibrada e, portanto, saudável. Esse é um requisito básico para, na medida do possível, realizar os seus sonhos.

Fonte da pauta: Blog Cartão de TODOS

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#aumento da inflação#Economia em casa#reserva financeira#saúde financeira

Alimentação balanceada e autocuidado!

Alimentação balanceada e autocuidado!

Muitas pessoas acreditam que fazer uma rotina de cuidados com a pele, praticar exercícios físicos e ter boas noites de sono são as únicas (e já suficientes) formas de exercitar o autocuidado. No entanto, outro ponto que vem ganhando cada vez mais destaque, e adeptos, é a alimentação saudável com fibras, minerais e nutrientes. O fato é que exercitar o autocuidado atrai excelentes benefícios à saúde, como a melhora na qualidade de vida, o humor e a disposição, além de contribuir para a prevenção de inúmeras doenças.

 

O que fazer?

Adotar atitudes que beneficiam o próprio corpo é o primeiro passo. Fazer atividades físicas, cuidar da pele e escutar aquela música preferida são boas opções. Além disso, nunca é tarde para incluir novos hábitos na rotina, principalmente quando melhoram o próprio bem-estar.

“Muitas pessoas, com a desculpa clássica de ‘quando sobrar um tempo eu cuido de mim’, acabam se sabotando. Enquanto não nos enxergarmos como merecedores de cuidado, viveremos apenas do tempo que sobra em relação a tudo, aceitando menos do que merecemos. E, acredite, é algo simples. Basta usar os recursos que temos a nosso favor, dentro da nossa realidade”, reflete a psicóloga Flaviany Carvalho, especialista em qualidade de vida, autoconhecimento e amor próprio.

Pensando nisso, a Bio Mundo, rede de franquias de alimentos naturais e saudáveis, separou algumas dicas de como incluir o autocuidado de maneira leve e fácil na rotina. Confira:

Pratique a meditação

Ao contrário do que muita gente pensa, a meditação é uma prática excelente para o funcionamento do corpo. Ela acalma a mente, alivia o estresse e melhora a concentração. Hoje, existem milhares de aplicativos e vídeos no youtube que ajudam a meditar. Opções não faltam!

Beba água

A água é um componente essencial para a saúde, pois elimina toxinas, absorve nutrientes e mantém a pele hidratada. O seu consumo diário é de extrema importância para o funcionamento do corpo, sendo uma excelente e simples maneira de realizar o autocuidado.

Boa noite de sono

O tempo de sono adequado, além de ser reparador, faz total diferença na rotina. Esse é o momento em que o corpo descansa, repõe as energias e metaboliza alguns hormônios importantes para o seu funcionamento. Recomenda-se que as pessoas tenham no mínimo oito horas de sono por dia.

Reserve um momento de lazer

Separar um tempo para descansar e relaxar a mente, também é autocuidado. Seja ouvir uma música, assistir uma série, ler ou cozinhar. Ter esse compromisso consigo mesmo é importante.

Praticar exercícios físicos

A prática está entre os principais pilares do autocuidado. É muito importante separar um tempo na rotina para cuidar do corpo, ir à academia, caminhar ou praticar um esporte que gosta.

Sobre a Bio Mundo

Fundada em 2015, na cidade de Brasília, a Bio Mundo nasceu para proporcionar a melhor experiência de compra para quem busca uma alimentação balanceada.

 

Fonte: Ana Paula Vitoria (ana.vitoria@dezoitocom.com.br)

Imagem: https://spatzmedical.com/br/alimentacao-balanceada-e-saudavel/

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#Alimentação balanceada#autocuidado#Beba água#Boa noite de sono#exercícios físicos#Pratique a meditação

Como higienizar corretamente as roupas de cama?

Como higienizar corretamente as roupas de cama?

Para conservar a qualidade do enxoval e mantê-lo sempre impecável, alguns cuidados no momento de lavagem são essenciais. Afinal, a durabilidade depende diretamente de sua manutenção. A lavagem utilizada, a frequência com que é realizada a substituição e o respeito às orientações das etiquetas, fazem uma enorme diferença para que os tecidos se mantenham visualmente bonitos, macios e livres de ácaros e poeira.
Segundo Camila Shammah, gerente de produtos da Camesa, marca especializada em desenvolver e comercializar a mais completa linha de cama, mesa e banho do mercado, as roupas de cama precisam ser trocadas semanalmente. “Lençóis e fronhas devem ser mudados pelo menos uma vez por semana, exceto cobertores e edredons, que podem ser lavados no início e no fim de cada estação. Porém, durante a época de temperaturas mais elevadas, essa substituição precisa ser ainda mais frequente, com intervalos de cerca de três dias”, explica a especialista.
Além de respeitar a periodicidade necessária para a higienização e troca, outros cuidados podem auxiliar na manutenção e durabilidade dos produtos para cama:

 

Jogo de cama

Muitos especialistas recomendam a lavagem dos itens pelo menos uma vez na semana, no entanto, Camila explica que o intervalo pode se estender a até duas semanas, dependendo de cada necessidade e uso. Em épocas mais quentes, ou em casos de pessoas alérgicas, a frequência pode aumentar, para melhor higiene e saúde dos moradores.
Ainda segundo a gerente, na hora da limpeza, o recomendado é sacudir bem os lençóis e fronhas antes de colocá-los para lavar, como forma de reduzir a poeira, pelos e cabelos acumulados. “Evite também colocar vários itens ao mesmo tempo na máquina de lavar e a programe na opção delicada, dependendo de seu material. Eles não ficarão tão limpos se forem lavados em conjunto, já a triagem de cores evita que os produtos sejam manchados”, comenta.

Cobertores e edredons

Esses produtos costumam ser mais pesados que os lençóis. Sendo assim, para sua limpeza, a expert destaca que é importante se atentar quanto ao tamanho da máquina. “Dependendo do seu volume, o ideal é que eles sejam higienizados em uma lavanderia, que conseguirá fazer o processo de forma correta”, afirma.
Caso opte por lavá-los em casa, dê preferência ao uso de sabão em pó e amaciante para facilitar o enxágue e conservar a maciez da peça. Na hora da secagem, escolha uma temperatura média e vire a peça a cada 30 minutos. “Durante o verão, época em que edredons e cobertores não são usados frequentemente, use embalagens de TNT ou saco a vácuo para guardar as peças e mantê-las conservadas e limpas, a fim de evitar o mofo e cheiro de guardado”, indica.

Travesseiros

Depois de verificar se há alguma recomendação na etiqueta, a especialista sugere que se retire a fronha, a capa protetora e coloque o travesseiro na máquina de lavar, posicionando-o na vertical. “O mais recomentado que é se lave um de cada vez, em água fria, no ciclo suave e de preferência com sabão em pó”, informa. Para finalizar, Camila comenta que é importante secar bem o acessório, a fim de evitar problemas como odores e proliferação de fungos.

 

Fonte: Isabella Córdoba <isabella.cordoba@dezoitocom.com.br

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#Cobertores e edredons#cuidados#Jogo de cama#linha de cama#mesa e banho#Travesseiros