Receitinha para o finds!

Receitinha para o finds!

Mais um fim-de-semana chegando e quero compartilhar uma receita super legal para fazer para as crianças! A Vivi adora!

 

 

Pãezinhos Recheados de Sardinha e Ricota no formato Caracol

 

Ingredientes:

Massa:

  • 1 tablete de fermento biológico fresco (15g)
  • 1 colher (sopa) de sal
  • Meia colher (sopa) de açúcar
  • 2 colheres (sopa) de azeite
  • Meia xícara (chá) de água morna (120ml)
  • Meia xícara (chá) de leite morno (120ml)
  • Cerca de 3 xícaras (chá) de farinha ZAYA (sem glúten) (cerca de 450g)
  • Gema para pincelar

Recheio:

  • 1 lata de Sardinha em Óleo Gomes da Costa (125g)
  • 3 colheres (sopa) de cebola picada
  • 1 tomate, sem pele, picado
  • 1 colher (chá) de orégano seco
  • 3 colheres (sopa) de azeitona verde picada
  • 1 xícara (chá) de ricota amassada (150g)
  • Sal a gosto

Para fazer o Caracol:

  • Cravo da Índia

Modo de Preparo:

Massa:

  • Numa tigela dissolva o fermento no sal e no açúcar, até obter uma pasta.
  • Junte o azeite, a água e o leite. Misture bem.
  • Acrescente a farinha aos poucos e trabalhe a massa, sovando-a numa superfície enfarinhada até ficar uniforme e macia.
  • Volte a massa para a tigela, cubra-a e mantenha em local aquecido até dobrar de volume.

Recheio:

  • Aqueça o óleo da Sardinha e refogue aí a cebola. Junte o tomate, a Sardinha Gomes da Costa, o orégano e a azeitona. Refogue rapidamente.
  • Retire a panela do fogo, espere esfriar e acrescente a ricota. Misture bem.
  • Tempere com sal se necessário.

Montagem:

  • Divida a massa em 12 porções.
  • Abra cada porção de massa com a ajuda de um rolo, sobre uma superfície enfarinhada, no formato de um retângulo comprido.
  • Recheie o centro da massa com o recheio de Sardinha e ricota e feche dobrando a massa sobre o recheio. Enrole a massa em movimentos de vai e vem para obter bastões (com cerca de 15cm).
  • Começando por uma das pontas, enrole a massa, formando um círculo.
  • Pincele a gema por toda a superfície da massa e leve ao forno médio (180ºC) preaquecido, por cerca de 35 minutos ou até dourar.

Para fazer o caracol:

Montagem:
  • Ao enrolar o bastão de massa, deixe uma das pontas soltas (cabeça do caracol). Espete 2 cravos como se fossem antenas.
  • Distribua os caracóis deitados numa assadeira untada.
  • Pincele a gema por toda a superfície da massa e leve ao forno médio (180ºC) preaquecido, por cerca de 35 minutos ou até dourar.

DICA DE CHEF

A temperatura da água e do leite deve ser morna e, não quente ou fervente (que anula o efeito do fermento).

VARIAÇÃO

Acrescente ao recheio mussarela ralada.

Auxilio texto: Gabriel, assessor de imprensa da Gomes da Costa. 

Imagem: Gomes da Costa

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#fim de semana#Pãezinhos Recheados de Sardinha e Ricota no formato Caracol#receita

Oito dicas para garantir a saúde dos pés no verão!

Oito dicas para garantir a saúde dos pés no verão!

A época mais quente do ano está chegando e, com as temperaturas elevadas, muita gente já está aprontando malas e mochilas para curtir praias, cachoeiras e parques públicos. Dentre os itens obrigatórios, o chinelo é um que não pode mesmo faltar. “Andar descalço, principalmente em ambientes com areia seca, pode acabar com a saúde dos pés de qualquer um”, alerta a podóloga Maria de Lourdes Pinheiro, coordenadora técnica da rede Doctor Feet. O maior perigo é a Tungíase, doença popularmente conhecida como Bicho de Pé. “Trata-se de uma parasitose causada por fêmeas de uma espécie de pulga, a Tunga Penetrans, que vive em zonas arenosas”, explica a especialista.

 

O bicho de pé pode ser removido facilmente, desde que realizada por profissionais, e a lesão é tratada geralmente em uma ou duas sessões, segundo a podóloga. Mas atenção aos sintomas: a lesão causada pela penetração da pulga pode servir como porta de entrada para outras doenças, como infecções e até tétano, se o tratamento for postergado. Embora os nomes assustem, não há motivo para pânico, segundo Maria Lourdes. “Com cuidados essenciais é possível curtir o verão sem que os pés saiam prejudicados”, garante. Veja abaixo as dicas da especialista para quem vai viajar e curtir a estação mais quente do ano:

 

  1. Em locais com areia, use sandálias e chinelos;
  2. Se for o caso de caminhar na areia da praia, a recomendação é optar por estar mais próximo do mar, pois a água leva os microorganismos, diminuindo os riscos de contaminação;
  3. Evite levar animais domésticos à praia, pois as fezes podem conter parasitas;
  4. Redobre os cuidados com as crianças, já que as brincadeiras na areia envolve outras partes do corpo, como mãos, braços e pernas.
  5. Evite que os pequenos cubram o corpo com areia ou comam algo que tenha caído no chão;
  6. Use cangas ou toalhas para evitar o contato direto com o solo arenoso;
  7. É importante também prestar atenção aos sintomas: a lesão causada pela Tungíase é visível e é possível perceber uma pequena pápula marrom escura com um círculo claro ao seu redor;
  8. O problema também pode causar dor ou coceira, portanto, ao notar tais incômodos, é necessário procurar um podólogo o mais rápido possível.

 

Pioneira no segmento, a Doctor Feet é a mais ampla rede de serviços de cuidados e saúde para os pés e venda de produtos médicos e ortopédicos. Comemorando 20 anos de mercado, a marca conta com mais de 80 unidades, em 14 estados brasileiros. Mais informações: www.doctorfeet.com.br

 

 

Auxilio texto: Fernanda Mendonça (fernanda@markable.com.br)

Imagem: Reprodução Freepik/Nensuria

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#ajudar as pessoas#cuidados#dicas#verão

Dicas de docerias em Portugal!

Dicas de docerias em Portugal!

Hoje é dia de post divino por aqui! Vamos falar de mais dicas de Lisboa? E que tal se elas forem de doces? Hummmmmm! Separei 6 lugares que super indico e você não pode deixar de conhecer quando for a “terrinha”:

 

  1. Manteigaria: Localizada no famoso Mercado da Ribeira ou “Time Out” fica a Manteigaria que, para mim, é a responsável pelo melhor pastel de nata de Portugal! Aproveite para andar pelo mercado e experimentar o que há de melhor na gastronomia local. Vários chefs incríveis assinam menus deliciosos!

 

 

  1. Alcoa: Considerada uma das docerias mais antigas do país, a Alcoa também é super conhecida pelos seus deliciosos doces, especialmente os tipicamente portugueses! De comer com os olhos.

 

 

  1. Casa de Ovos Moles: Aiiiiiiiiii como eu amo esse lugar! Se você é fã de doces de ovos, vai de deliciar com as receitas incríveis deste lugar.

 

 

  1. A Piriquita, em Sintra: A casa, que  já foi responsável por fazer doces para a familia real portuguesa ainda continua a formar filas em sua porta ! Todos querem comer os famosos travesseiros de Sintra bem como as queijadinhas! Aiiiiii como eu amo! Existem duas unidades na cidade, procure ir na II que é mais nova e tem muito menos filas.

 

 

  1. Pastel de Belém: nem preciso dizer que ir para Portugal sem comer os famosos pastéis de Belém é como ir a Roma e não conhecer o papa…Brincadeiras à parte, desvie das enormes filas, entre e pegue uma mesa!! Peça um cappucino e se delicie com essas maravilhas!

 

  1. Andar gourmet da El Corte Inglês: o sétimo andar dessa loja de departamentos reserva doces surpresas!!! Vale a pena a visita e aproveite para fazer ótimas compras! O setor infantil é um sonhoooo! Prepare o bolso!

 

Obs: não tenho fotos dessas últimas duas. Mas você tem que ir! Beijos, Mi.

 

Imagens: Blog Ask Mi / https://hojeconhecemos.blogs.sapo.pt – imagem Piriquita / https://lisboacool.com/comer/casa-ovos-moles-lisboa /

 

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#A Piriquita#Alcoa#Andar gourmet da El Corte Inglês#Casa de Ovos Moles#doceria#Manteigaria#Pastel de Belém#Portugal#Sintra

Aprender a delegar é admitir que o outro é necessário!

Aprender a delegar é admitir que o outro é necessário!

Minha mãe sempre nos ensinou que as pessoas são necessárias para um ajudar o outro e hoje li esse texto do filósofo Fabiano de Abreu e quero compartilhar com vocês!

 

 

O mundo é competitivo. Constantemente há um embate sendo travado a respeito de quem é o melhor no que faz. Apesar de, na maioria dos casos, ser uma situação saudável e importante para o aprimoramento de habilidades, a competição também pode impactar o indivíduo de maneira negativa.

 

De acordo com o filósofo Fabiano de Abreu, o fato da sociedade cobrar excelência em diversas áreas, sejam elas acadêmica, profissional ou pessoal, torna os indivíduos figuras centralizadoras que tendem a não confiar no trabalho do outro. “A vida exige que sejamos constantemente os melhores, os mais rápidos, os mais aptos, os mais atentos, os mais capazes numa globalidade”, aponta.

 

Porém, essa crença de ser o melhor em tudo pode levar a pessoa a uma situação de quase obsessão, que em muitos casos, pode causar até mesmo privação de liberdade, já que o desejo de controle total consome muito ou todo tempo disponível. “Não é saudável o sentimento constante de que se formos nós a fazer seremos mais dedicados e perfecionistas. Chega a uma altura que temos que aprender a saber delegar”.

 

Fabiano orienta que esse exercício de libertação deve ser feito em etapas: reconhecer em outro alguém a capacidade de fazer e agir, aprender a distribuir tarefas e quem sabe assim, conseguir tempo para fazer outras coisas que gerem prazer. “Ver tudo pelo nosso prisma torna a nossa visão deficitária, limitada com poucas chances de trilharmos um caminho direcionado ao sucesso a longo prazo”, defende.

 

Um exemplo de reflexão sobre a necessidade do outro, é a lógica sob a qual funciona uma empresa.  Nesse modelo de pensamento, delegar significa mais organização e consequentemente crescimento. “Se centralizarmos todas as funções não teremos tempo de administrar corretamente e procurar novas estratégias. Temos que ter em mente que não há a capacidade de multiplicação e que nos devemos dedicar ao que é essencial e primordial”.

 

Da mesma forma é a vida, que apesar de precisar do esforço de cada um, tem que continuar mesmo na ausência de uma figura importante. “As pessoas que partilham o espaço e as problemáticas conosco têm de ser capazes de decidir, se por ventura houver uma situação o de vamos conseguir estar presentes. Por essa razão reter toda a informação e conhecimento é apenas uma forma de inviabilizar e criar problemas”.

 

Fabiano defende ainda que o tempo e a experiência são os melhores amigos e professores nessa batalha entre ser o melhor e admitir a competência do outro. “A aprendizagem é uma constante e os mesmos se encarregam de nos mostrar a qualidade e a assertividade das nossas decisões”, diz.

 

Auxilio texto: Fabiano de Abreu (mf@pressmf.global)

Imagem: https://www.melhoratendimento.com.br/como-liderar-uma-equipe-de-help-desk-e-obter-sucesso-nas-metricas/

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#Blog Ask Mi#delegar

Celebrando 10 anos de casamento!

Celebrando 10 anos de casamento!

Este ano comemoro 10 anos de casada!!! Gente, como o tempo passa, meu Deus!!! Nossa festa de casamento, realizada em 2009, contou com 2 noivas e dois noivos! Yessss, a Mariah, minha irmã mais nova, casou comigo!!!

 

Foi lindoooo, sempre falo disso nas minhas Mídias Sociais, um momento super especial de nossas vidas!!!  Massss, nessa comemoração de dez anos, optei por algo bemmmmm íntimo: eu, meu marido e nossa filha!!!! Comecei a planejar no começo deste ano e fiquei super na dúvida em onde fazer!!!

 

Como queríamos algo bem intimista e somente nós 3, pensei em fazermos fora do país! Na mesma hora veio PORTUGAL em minha cabeça!! Aiiii como amo a “terrinha”. Santo Antonio tem um lugar especial em meu coração, desde menina fui devota à ele!!! Como Lisboa é onde esse Santo nasceu, tudo começou a fazer sentido para mim (quanto a escolha do lugar).

 

Entrei em contato com a empresa (que era meu sonho fazer alguma coisa) @tuscanyblue da super top JULIANA MAMED!!! A Juliana organizou cada detalhe: igreja, padre, coral, empresa para fazer fotos/vídeo, flores, buque  e ainda cabelo e make!!!

 

Reservamos a igreja de Santo Antonio em Estoril, cidade ao lado de Cascais onde estávamos hospedados. Vocês não imaginam a beleza da igreja…. um dos altares mais lindos que já vi na vida!!!

 

A @tuscanyblue realiza os casamentos mais lindos na Europa, de verdade!!! Ela pensa em cada detalhe, nos horários e até como estará a luz no dia! Fiquei impressionada!!!! A Juliana me indicou a empresa @nuvemlifestyle da querida jornalista Raquel e do fotógrafo Bruno Barata (@brunobarata_fotografia). Eles foram os responsáveis pelas imagens (inclusive aéreas) e a elaboração de uma “revista” impressa do grande dia para os noivos!!! Um sonho o trabalho deles, super recomendo!!!

 

Meu vestido e da Vivi ficaram por conta da @petitcherieoficial , marca que nos acompanha há bastante tempo!!! Ameiiii, ficou do jeito que imaginávamos! Confiram os cliques:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fotos: @brunobarata_fotografia e @nuvemlifestye

Marina Xandó

ESCRITO POR Marina Xandó

Idealizadora e editora chefe do Ask Mi, Marina é esposa, advogada, blogueira, dona de casa e mãe da Maria Victoria. Começou o AskMi para passar suas dicas adiante. Também é o cérebro - e coração - por trás do Concierge Maternidade AskMi, onde presta consultoria para grávidas, desde o enxoval até organização de recepções e festas.

#10 anos#Casamento#Marina#Marina Xandó#Portugal#renovação de votos